3R PETROLEUM ANUNCIA INÍCIO DE ARBITRAGEM ENVOLVENDO O CAMPO DE PAPA TERRA | Petronotícias





3R PETROLEUM ANUNCIA INÍCIO DE ARBITRAGEM ENVOLVENDO O CAMPO DE PAPA TERRA

Campo de Papa Terra

Campo de Papa Terra

Vai dar pano para mangas o desentendimento entre a 3R Petroleum e sua sócia no campo de Papa-Terra, a empresa Nova Técnica Energy, subsidiária local da canadense MTI Energy. Como noticiamos no início do mês, a 3R recorreu à Agência Nacional do Petróleo (ANP), pedindo que sejam realizados os trâmites legais necessários para que a Nova Técnica ceda obrigatoriamente sua fatia de 37,5% no ativo, alegando inadimplência da sócia. Acontece que o tema vai parar na esfera arbitral.

A 3R divulgou na manhã de hoje (10) um comunicado informando ao mercado que a Nova Técnica deu início ao procedimento de arbitragem, com base no acordo de operação conjunta que rege as relações privadas do consórcio no campo de Papa Terra. “A Companhia informa que seguirá os tramites cabíveis e que defenderá os seus direitos no âmbito da Arbitragem, bem como destaca que o início deste processo arbitral não altera as atividades operacionais em curso e não impede a implementação do plano de desenvolvimento do ativo”, detalhou a 3R.

Enquanto isso, a petroleira independente anunciou que sua produção em abril somou 44,3 mil barris de óleo equivalente por dia, aumento de 2,4% ante o mês de março (43,2 mil barris de óleo equivalente por dia). A 3R é operadora dos Polos Potiguar, Macau, Areia Branca, Fazenda Belém, Rio Ventura, Recôncavo, Peroá e Papa Terra, e detém participação de 35% no Polo Pescada, sendo este operado pela Petrobrás.

No Complexo Potiguar, a produção registrou crescimento de 8,0% comparado ao mês anterior, totalizando 25,9 mil barris de óleo equivalente por dia. A performance do Complexo é explicada, principalmente pela gradual reconexão de poços à malha de produção, após parada para manutenção de dutos de escoamento, parcialmente impactado e por intermitências no abastecimento elétrico dos ativos, em razão de fortes chuvas e descargas elétricas registradas na região.

No Complexo Recôncavo, a produção se manteve estável, com crescimento de 0,6%, chegando a 9,5 mil barris de óleo equivalente por dia. O resultado é suportado pela realização de pullings em poços, parcialmente impactado por intermitências no fornecimento de energia elétrica e pelas fortes chuvas registradas na região. Já no Polo Peroá, a produção recuou 7,3%, somando 2,6 mil barris de óleo equivalente por dia. O desempenho foi impactado pela parada para manutenção dos compressores na Unidade de Tratamento de Gás de Cacimbas, receptora da produção do ativo.

Por fim, o Polo Papa Terra registrou queda de 10,8% na produção, totalizando 6,1 mil barris de óleo equivalente por dia. O resultado é justificado pela intervenção em curso na linha de produção do poço PPT-12. A companhia ressalta que a campanha de workover para troca das bombas BCSs (bombeio centrífugo submerso) permanece alinhada ao cronograma de trabalho estabelecido, intervenção nos poços PPT-17, PPT-37 e PPT-50, com retorno à malha de produção do ativo previsto para o segundo trimestre de 2024.

No primeiro trimestre de 2024, a 3R Petroleum registrou prejuízo líquido de R$ 229,9 milhões, revertendo lucro de R$ 16,1 milhões no mesmo período do ano anterior.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of