ALCOA FAZ ACORDO COM A AES PARA FORNECIMENTO DE ENERGIA VISANDO À RETOMADA DA PRODUÇÃO DE ALUMÍNIO NO MARANHÃO

clariceA AES Brasil, empresa geradora de energia elétrica, e a Alcoa, empresa do setor de alumínio, acabam de assinar um contrato de longo prazo para fornecimento de 150 MW médios de energia renovável, pelo prazo de 15 anos, a partir de 2024. A energia irá suportar a retomada da produção de alumínio no Maranhão,  anunciada pela Alcoa em setembro de 2021, com previsão de início no segundo trimestre de 2022. Com o novo modelo de contrato, em dólar, a companhia abre uma nova avenida de crescimento com o lançamento de produto focado em clientes globais. O projeto poderá ser desenvolvido no Complexo Eólico Cajuína (RN), adicionando 300 MW de capacidade instalada à planta, ou atendido pela fonte hídrica, visando sempre a maior geração de valor.

Clarissa Sadock, CEO da AES Brasil, disse: “A AES Brasil está constantemente buscando atender as necessidades do mercado. Em vista disso, criamos um produto inovador, com grande potencial de crescimento, a fim de endereçar um pedido antigo das empresas que têm receita vinculada ao dólar e gostariam de ter seus custos também atrelados à moeda.  “Entregar um produto tailor made aumenta o valor percebido pelootavio cliente e conseguimos, assim, gerar maiores retornos para o nosso investimento.”

O contrato viabiliza o objetivo da Alcoa de retomar a produção de alumínio no Brasil, suspensa em 2015. Para Otavio Carvalheira (foto à direita), presidente da Alcoa no Brasil, “a parceria com a AES, em que conseguimos estruturar um novo modelo de contrato de compra de energia em dólar, traz um enorme benefício para empresas com atuação global. Estamos contentes com essa parceria”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of