NOVAS TECNOLOGIAS FAZEM TECON DE SALVADOR BATER RECORDE DE MOVIMENTAÇÃO DE CONTÊINER EM JANEIRO

img-341104-nova-rota-do-cafeOs novos investimentos em tecnologia promovidos pelo Tecon Salvador, terminal de contêineres administrado pelo Grupo Wilson Sons, contribuíram para ampliar sua produtividade. Em janeiro, durante a operação do navio Vicente Pinzon,  o terminal baiano atingiu o recorde de 102 contêineres movimentados por hora (embarque e descarga). Cada guindaste STS (Super Post Panamax Ship to Shore) obteve uma produtividade média de 35 movimentos por hora, o que coloca o Tecon Salvador no rol dos terminais mais produtivos do Brasil.

Patrícia Iglesias, diretora comercial do Tecon Salvador, explicou  que o alto desempenho tem relação com a implantação do Navis N4, um software de gestão que é líder no mercado mundial e utilizado nos maiores terminais das Américas, Ásia e Europa, aliado a outros fatores como treinamento de equipe e o uso de RTGs elétricos, adquiridos recentemente: “A ferramenta otimizou os processos e deu um upgrade na acessibilidade de informações a todos que usam o terminal, agilizando a rotina de armadores, exportadores, importadores, transportadores, entre outros”. Para empresa, obter uma alta capacidade de movimentação confere ao terminal maior confiabilidade junto ao armador, que ganha em economia de tempo pela permanência reduzida no terminal, diminuindo custos e proporcionando o cumprimento dos prazos com novas escalas em outros portos.

Deixe seu comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
  Subscribe  
Notify of