Megabanner

MARINHA RUSSA LANÇA A 11ª CORVETA COM O MESMO PROJETO QUE OFERECE AO BRASIL

DSADFREm termos de tecnologia de construção de Corvetas, a Marinha russa está um passo a frente. Ela acaba de lançar ao mar para testes de navegação e de tiro sua 11ª Corveta da Cla Buyan-M. O Estaleiro de Gorky, em Zelenodolsk, concluiu os trabalhos finais na semana passada. A Corveta foi batizada de Naro Forminsk. Ela faz parte do Projeto 21631 e estão armadas com Mísseis Kalibr, armazenados num lançados de oito células, capazes de acertar com precisão alvos navais e em terra. Neste momento o Estaleiro de Gorky tem mais cinco navios de guerra desse projeto. As Corvetas russas estão armados com canhões de 100 mm A-190 e u um sistema de artilharia antiaérea AK-630-2 Duet,  de pequeno calibre. Eles também carregam lançadores antiaéreos do Gibka 3M-47,  versão naval do Igla. A Corveta tem 75 metros, deslocamento de 949 toneladas, com a propulsão CODAD, dois motores diesel de 14.584 shp sobre eixos, capazes de proporcionar uma velocidade de 25 nós. A sua autonomia é de dez dias, com alcance de 2.500 milhas e a tripulação de 52 militares.

A Marinha brasileira está licitando neste momento 4 corvetas para o seu reaparelhamento. A Diretoria de Gestão de Programas da Marinha do Brasil e a coordenação com a Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON) encerraram  a fase de entrega da Solicitação de Propostas às empresas que observaram para o Projeto Tamandaré, para a construção das quatro corvetas. O anúncio final da licitação tem data marcada: 28 de setembro deste ano. Embora muitas empresas tenham tido acesso aos documentos, acredita-se que alguns projetos tenham mais simpatia da Marinha brasileira, como as europeias. Neste caso, a preferência estaria entre a Rússia,  Espanha, Suécia e Itália, com os ingleses e os alemães também com chances. Tudo dependerá das ofertas de cada um desses países e o acesso às tecnologias. As próximas etapas do processo estão detalhadas no cronograma para a  seleção da melhor oferta. Esclarecimentos, até 13 de abril; Prazo final de respostas, 2 de maio; Limite para recebimento das propostas, 18 de maio; Divulgação do Short List, 27 de julho; Divulgação da melhor oferta, 28 de setembro. Esse cronograma não será alterado.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of