Megabanner

PEDRO PARENTE DIZ QUE A PETROBRÁS NÃO É RESPONSÁVEL PELOS ALTOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS

fdddO presidente da Petrobrás tem razão quando diz que o alto preço dos combustíveis no país não é culpa da Petrobrás. Nem os revendedores e distribuidores tão pouco. Eles precisam ser remunerados e terem lucros. A volúpia dos impostos do Estado é a principal vilã. De qualquer forma  Pedro Parente também deveria avaliar  a desordem que se estabeleceu no mercado de combustíveis com a política de anuncio diário da variação dos preços. É compreensível que a Petrobrás atrele os seus preços a variação do preço do barril de petróleo, mas repassar diariamente aumentos ou reduções nos preços causa muitos transtornos para todos e isso precisa ser revisto. Essa é a principal reclamação dos consumidores que não assimilam a variação por uma comunicação errada na fonte.

Parente, em palestra na FGV no Rio, disse que  a estatal segue a referência internacional do preço do petróleo: “ É importante deixar claro que essa política de preços da Petrobrás é uma política que é praticada em todo o mundo. É muito importante para a empresa poder lidar com as importações e garantir participação de mercado justo dentro das leis brasileiras. E quando demostramos, e tem sido mostrado pela imprensa em geral, a questão do preço caro do combustível, a resposta não está na Petrobrás. Estamos praticando um preço cuja a referência é internacional e por definição não é um preço injusto. Nas bombas é um preço que é um múltiplo do preço da Petrobrás. O preço da Petrobrás é, em média, menos de um terço do que acontece nas bombas.”

1
Deixe seu comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Luciano Seixas Chagas Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luciano Seixas Chagas
Visitante
Luciano Seixas Chagas

Grande novidade dita por Pullen Parente! Estou extasiado com o espanto! Sempre foi assim ou não?. No tempo dos preços subsidiados a Petrobras dava lucro. Hoje com os preços paritários aos de internacionais ela gera lucros pífios ou prejuízos! Porque? Com petróleo a U$ 70 e break even do pré-sal a U$ 30 segundo Pullen Parente e U$ 20 a U$ 25 para outros analistas, eu incluso, a geração de caixa da Petrobras poderia ser grande com preços Petrobras menores cerca de 14% aos internacionais. Isto evitaria a brutal perda de mercado que ora acontece, perda de faturamento e de… Read more »