Megabanner

SEMINÁRIO INTERNACIONAL DA WNU NO BRASIL TEM RECORDE DE INSCRITOS

celso cunhaApesar da pouca importância dada pelo governo ao setor nuclear, postergando uma decisão sobre a retomada das obras da usina de Angra 3, o mercado deu uma nova demonstração de interesse por este segmento, reforçando a sua relevância para o país. O seminário internacional “The World Nuclear Industry Today”, que começa na próxima segunda-feira (19), no Rio de Janeiro, teve recorde de inscrições, com 295 pessoas cadastradas até o momento. O evento está sendo organizado pela World Nuclear University (WNU), em parceria com a Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares (ABDAN).

O maior seminário até então da WNU, que faz parte da World Nuclear Association (WNA), aconteceu na China, com 231 inscritos. O objetivo do encontro é instruir os profissionais que estão saindo da faculdade na área nuclear. Além disso, o evento vai promover o debate sobre os principais fatos da indústria e atualidades. “Estamos incentivando a busca pelo conhecimento, mantendo as pessoas atualizadas, com informações sobre o que está acontecendo no exterior. É motivador e balizador. Vivemos um momento em que é preciso investir na mão de obra para manter o conhecimento atualizado”, afirmou o presidente da ABDAN, Celso Cunha.

O encontro será realizado entre os dias 19 e 23 de março, no bairro da Urca, na capital fluminense. Ainda é possível se inscrever por meio deste link. Além de uma série de palestras, que abordarão a retomada de Angra 3, tecnologias, desenvolvimento da energia nuclear no Brasil, dentre outros tópicos, o evento contará com visitas técnicas nos dias 22 (Eletronuclear, em Angra, ou INB, em Resende); e 23 (Estaleiro de construção do Complexo Naval de Itaguaí).

O seminário da WNU oferece palestras com oportunidades para sessões de perguntas e respostas, atividades de grupos de trabalho para discutir os pontos-chave das palestras e atividades de networking.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of