ACCIONA MOSTRA INOVAÇÃO E SUA EXPERIÊNCIA NO SETOR DE PORTOS EM FEIRA INTERNACIONAL DE LOGÍSTICA

A- Kujira trabalhando no T2 no Porto do AçuA Acciona, uma das principais empresas espanholas, líder global em promoção, desenvolvimento e gestão de infraestruturas, está presente à Intermodal South America, a maior Feira Internacional de Logística, Transporte de Cargas e Comércio Exterior, que começou nesta terça-feira(13) e vai até a próxima quinta-feira(15) em São Paulo. A empresa é   uma das maiores construtoras de portos e projetos de Gás Natural Liquefeito (GNL) em todo o mundo, tendo inclusive recentemente completado a construção do Terminal Dois (T2) no Porto do Açu, localizado em São João da Barra, no norte do Rio de Janeiro. Quem for a feira vai ter oportunidade de visitar estande da Puertos del Estado, empresa estatal do Ministério dos Serviços Públicos da Espanha, controladora de 46 portos e 28 autoridades portuárias daquele país.

Durante o evento, a Acciona irá mostrar aos visitantes suas inovações tecnológicas para obras no setor de portos e de GNL, como a tecnologia do Kugira, que foi amplamente utilizada na obra do T2 no Porto do Açu. O uso do dique flutuante Kugira fez do terminal o primeiro no Brasil a ser erguido com blocos pré-moldados de concreto. No total, foram 2.800 metros de diques de proteção construídos com a tecnologia de caixões de concreto executados no Kugira. Foram utilizados 42 blocos flutuantes, em um projeto que gerou mais de 3.400 empregos diretos, com 90% de mão de obra local.

A tecnologia está alinhada aos requisitos de sustentabilidade, por permitir a redução dos impactos ambientais na construção das estruturas portuárias. Este sistema representa menor utilização de matéria-prima e redução da emissão de CO2 no transporte desses materiais, assim como maior agilidade na construção e diminuição do espaço ocupado e da necessidade de manutenção. Além disso, a tecnologia do Kugira evita a utilização de 1 milhão de toneladas de enrocamento e apresenta outros benefícios, como uma maior resistência às intempéries, ampliação do calado de atracação e a utilização de suas paredes como quebra-mar.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of