RÚSSIA CONTINUA SENDO O MAIOR EXPORTADOR DE PETRÓLEO PARA A CHINA PELO 13º MÊS CONSECUTIVO

ssChina, mantendo a liderança nas vendas pelo  13º mês consecutivo. Em março,  a Rússia forneceu o  equivalente a 1,36 milhão de barris por dia superior  23 % se comparado ao mesmo do ano passado.  Para o primeiro trimestre, os embarques russos subiram 22 % alcançando  1,34 milhão de barris por dia.  A Arábia Saudita, segundo maior fornecedor da China em março, também aumentou suas exportações, mostraram os dados. Os envios no último mês foram de 1,09 milhão de bpd, subindo 1,2% em relação ao mesmo período do ano passado, mas um pouco abaixo do mês de fevereiro, que chegou a   1,2 milhão de bpd, mesmo com menos dias no mês.  Espera-se que o reino saudita recupere o volume ainda este ano, assim que a produtora química privada da China Hengli Group inicie os testes em outubro,  em uma refinaria no nordeste da China. A planta pode processar até 400.000 bpd e é voltada para o uso de petróleo saudita. As importações totais de petróleo da China em março subiram para o segundo maior nível, de 9,2 milhões de bpd, impulsionado pelo aumento das cotas de importações chinesas.  Ao mesmo tempo, o país exportou uma quantidade recorde de combustível refinado para aliviar o superávit doméstico.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of