Megabanner

PRESIDENTE AMERICANO DETERMINA AÇÕES PARA PRESERVAR E AUMENTAR NÚMERO DE USINAS NUCLEARES NO PAÍS

12121O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ordenou que o secretário de Energia, Rick Perry, tome medidas imediatas para impedir a perda de usinas elétricas da rede elétrica do país, incluindo usinas nucleares que estão enfrentando uma aposentadoria prematura.  Os Estados Unidos  têm a infraestrutura mais avançada e desenvolvida tecnologicamente do mundo, com acesso a uma rede elétrica confiável e diversificada. A Casa Branca, acredita na independência e domínio total da energia para proteger a segurança nacional dos Estados Unidos, a segurança pública e a economia: “Infelizmente, as iminentes aposentadorias de instalações de energia seguras por combustível estão levando a um rápido esgotamento de uma parte crítica do mix energético de nossa nação, e impactando a resiliência de nossa rede elétrica”, disse o comunicado. “O presidente Trump  disse que  Instalações seguras para combustíveis incluem usinas nucleares e movidas a carvão, que são capazes de armazenar combustível de forma segura no local, permitindo-lhes continuar operando em tempos de grande perturbação, seja de “ataque adversário” ou desastre natural.

 O plano é  adiar a aposentadoria de recursos de geração elétrica protegidos por combustível, enquanto analisa e toma medidas para atender às necessidades do setor. O pedido também estabelece uma Reserva de Geração Elétrica Estratégica. A Comissão Federal Reguladora de Energia dos Estados Unidos (FERC) lançou no início deste ano seu próprio processo para examinar a rede americana depois de encerrar o processo sobre uma proposta de regulamentação sobre confiabilidade da rede apresentada por Perry em setembro de 2017. O regulamento proposto por Perry teria reconhecido atributos de fontes de geração capazes de armazenar combustível no local, como o nuclear.

Operadores de usinas nucleares nos mercados desregulados dos EUA, onde os geradores concorrem entre si para vender energia aos fornecedores por meio de leilões, enfrentam a concorrência do gás de de xisto, e os subsídios para  a energia eólica, deixando unidades nucleares de bom desempenho. O risco de encerramento é por razões econômicas. Alguns estados já aprovaram legislação que reconhece especificamente os atributos das usinas nucleares, particularmente por sua contribuição para as metas de redução de emissões. A diretora-geral da Associação Mundial de Nuclear, Agneta Rising, disse que  “Devem ser tomadas medidas para ajudar as usinas sob ameaça imediata de fechamento. Mas no longo prazo, as falhas no mercado precisam ser corrigidas para reconhecer e valorizar os benefícios da eletricidade limpa e confiável”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of