Megabanner

PRÉ-SAL QUEBROU NOVO RECORDE EM ABRIL

lulaUm potencial gigantesco, que fica cada vez mais evidente a cada mês que se passa. A produção brasileira na camada do pré-sal quebrou um novo recorde no mês de abril, com um volume total de 1,78 milhão de barris de óleo equivalente (petróleo mais gás) durante o período. A quantidade supera a melhor marca até então, de 1,76 milhão de boe, registrada em fevereiro deste ano.

A produção de abril no pré-sal representa um aumento de 2,3% na comparação com o mês de março. Ao todo, foram produzidos 1,423 milhão de barris de petróleo por dia e 58 milhões de metros cúbicos diários de gás natural por meio de 86 poços. O pré-sal correspondeu a 54,4% do total produzido no Brasil.

O campo de Lula correspondeu a 64% de toda a produção na camada do pré-sal, seguido de Sapinhoá (14%) e Jubarte (8%). O poço com melhor produtividade foi o 3BRSA1305ARJS, no Campo de Mero, com uma produção total de 50,8 mil barris de óleo equivalente por dia.

2
Deixe seu comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Claudinei MaschiettoLuciano Seixas Chagas Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luciano Seixas Chagas
Visitante
Luciano Seixas Chagas

Teimoso o pré-sal. Antes endeusado agora ele insiste em produzir e a pagar os U$ 200 bilhões investidos no passado, com a monumental produção de cada poço e do volume diário comprovado. E tem gente que dizia que não prestava, que era caro, que não havia tecnologia suficiente, que a Petrobras estava quebrada, que o governo teria que investir na empresa. Fora os que venderam os ativos para assegurar as mentiras contadas não é senhores Pullen Parente, Ivan Monteiro e imenso séquito. O danado do pré-sal, sempre altivo, derruba agora todos os verbos, mitos e assertivas que o depreciavam e… Read more »

Claudinei Maschietto
Visitante
Claudinei Maschietto

Nossa independência petrolífera jogada nos bolsos da corrupção ptralha