CONGRESSO MUNDIAL SOBRE PIPELINE NA CHINA TERMINA COM PÚBLICO RECORDE E COM PARTICIPAÇÃO DE APENAS UMA EMPRESA BRASILEIRA

china 10BEIJING- Terminou aqui na China a mais importante exposição de negócio de oleodutos e gasodutos da Ásia. A China International Pipeline Forum 2018. O evento discutiu segurança para indústria ferroviária, de petróleo, gás, química, petroquímica e também para a aplicação de tubos para diversas outras indústrias. Por aqui, apenas uma empresa brasileira, a Liderroll, convidada para apresentar sua tecnologia de lançamento de tubos em túneis. A empresa tem a patente mundial dessa tecnologia. Hoje a China é o país que mais demanda tem para a necessidade de uso desta tecnologia. Desde a construção de gasodutos gigantes, que irão trazer gás desde a Rússia e o Turcomenistão, quanto para o uso de túneis para transporte ferroviário e aquaviário. A China projeta atualmente um túnel com 250 km de extensão. Uma obra inusitada que se voltássemos duas décadas, Isso nem seria pensado. Nem seria possível. Há dois anos foi inaugurado o Túnel de São Gotardo, na Suíça, com 57 quilômetros para transporte ferroviário, uma grande conquista da engenharua. As dificuldades de projetos, incertezas geológicas, de logística em um túnel de 250 km, são imensas. No entanto, são superadas pelo desenvolvimento e uso de novas tecnologias. São essas tecnologias que foram apresentadas aqui. Ja existem muitas outras disponíveis, como construir e como utilizar obras subterrâneas.china 19

Elias Rocha(foto), representante da Liderroll, gostou do que viu na exposição:

Efetivamente a nossa presença aqui na Ásia tem se destacado cada vez mais. Tanto que a nossa empresa está constantemente sendo chamada para apresentar a nossa tecnologia de lançamento de dutos em túneis. Há um mercado forte e emergente em toda esta região do mundo. São muitos países com projetos para lançamentos de oleodutos, gasodutos e até mesmo de um aqueduto que vai cortar ma cadeia de montanha na Jordânia.

– Então boa perspectiva de negócios por aqui ?

Sem dúvida. Temos tido diversas reuniões com diversas empresas que compõem os consórcios construtores desses dutos. Aqui mesmo na China já me reuni com diversos players chineses e de outros países, que buscam mais informações. Para vocês terem uma ideia a tecnologia  e a metodologia construtiva exclusiva da Liderroll está causando uma reviravolta aqui na Ásia uma vez que muitos projetos antigos estão sendo, digamos assim, desengavetados pois não havia possibilidade viáveis de construção de dutos acima de 2 a 3 quilômetros dentro de tuneis. Com a nossa chegada; vez que não temos limitadores de distâncias em nossa metodologia, todos os projetos antigos estão sendo revistos e fatalmente serão postos em prática. Como exemplo há uma real possibilidade de um túnel de 140 quilômetros entre Rússia e Índia onde seremos o pilar mestre do empreendimento.

china 23– A Liderroll pretende exportar os seus roletes ou construir uma fábrica aqui ?

– Temos que analisar todos os casos. Ainda não sabemos qual será a melhor estratégia. Criar uma estrutura na China ou mesmo na Jordânia e a partir destes pontos cumprir as obras que estão por vir por aqui. Precisamos analisar, porque envolve projetos, treinamento de pessoal, e diversos outros elementos. Vamos aguardar o desenrolar das boas negociações que estamos mantendo. É tudo muito demorado, detalhado. E é bom que seja assim, para agirmos de maneira firme e objetiva. O que está a nos motivar e funcionando como uma injeção de certeza de sucesso é a excelente receptividade que todas as gigantes empresas de engenharia têm demonstrado com a Liderroll. Todos são unânimes ao verem as nossa apresentações e dizem “vocês foram brilhantes neste desenvolvimento. Vai ajudar muito a comunidade mundial de pipeline.”

A Conferência e exposição de pipeline internacional chinesa foi inaugurada em 2002.  A região Ásia-Pacífico como  realizada na história da indústria de armazenamento e de petróleo e gás tem um longo desenvolvimento profissional, após 15 anos de desenvolvimento e acumulação, tornou-se um líder global e abrangente grande evento profissional da cadeia da indústria de petróleo e gás natural. A exposição começou com 70 expositores numa área de 6500 metros quadrados. Hoje são 450 expositores numa área 35000 metros quadrados. Foi a sequência do rápido desenvolvimento do processo de indústria de petróleo na China.

china 33china 36Todos os anos, existem mais de 2.000 incidentes na rede europeia de gasodutos. Alguns envolvem perdas financeiras. Outros destroem o meio ambiente, as plantas e até mesmo o futuro de uma empresa. Por isso mesmo o setor industrial chinês é um dos mais exigentes ao transportar e processar petróleo e gás, para evitar falha técnica que pode ter consequências para máquinas, pessoas e o meio ambiente. Por essa razão, todas as partes da tecnologia de segurança interagem entre si na busca de funcionarem perfeitamente.

1
Deixe seu comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Rede Petro Rio | RPR News Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback