PARADA DO FPSO CIDADE DE SAQUAREMA COMPROMETE PRODUÇÃO DE ÓLEO E GÁS E VOLUME TEVE UMA LIGEIRA QUEDA EM MAIO

 

11A produção total de petróleo e gás, incluindo líquidos de gás natural (GNL), da Petrobrás  em maio foi de 2,67 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), uma pequena queda de 0,4% ante os 2,68 milhões de boed anotados do mês anterior, segundo informou a companhia. Do total, 2,57 milhões boed foram produzidos no Brasil e 96 mil boed, no exterior. A produção total operada da companhia (parcela própria e dos parceiros) foi de 3,34 milhões boed, sendo 3,20 milhões boed no Brasil. No País, a produção média de petróleo foi de 2,07 milhões de barris por dia (bpd), volume 1,2% inferior ao de abril. A diminuição, segundo a empresa, foi devido, principalmente, à parada para manutenção do FPSO Cidade de Saquarema, localizado no campo de Lula no pré-sal da Bacia de Santos.

A produção de  gás natural no Brasil, excluído o volume liquefeito, foi de 81,0 milhões de m?/d, 2,4% acima do registrado no mês anterior. Em nota, a estatal disse que “Esse aumento se deve, principalmente, à maior demanda de gás para geração termoelétrica no Estado do Amazonas e ao término da parada na plataforma do campo de Peroá, na Bacia do Espírito Santo”. No exterior, a produção de petróleo totalizou 59 mil bpd, volume 1,3% superior ao anotado no mês anterior, e a produção de gás natural foi de 6,4 milhões de m?/d, 0,8% acima do volume produzido em abril. De acordo com a Petrobrás, os aumentos ocorreram em função da normalização da produção de óleo após manutenções realizadas no campo de Saint Malo, nos Estados Unidos, e da maior demanda de gás na Bolívia.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of