MINISTRO MOREIRA FRANCO VISITARÁ CENTRAL NUCLEAR DE ANGRA DOS REIS

moreirafranco3fv-1-868x644Amanhã (29), a Central Nuclear de Angra dos Reis (RJ) receberá a visita do ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, como parte dos esforços para tentar retomar as obras da usina de Angra 3, paradas desde 2015. O presidente da Eletronuclear, Leonam dos Santos Guimarães, e o diretor de Operação e Comercialização, João Carlos da Cunha Bastos, abrirão a visita com apresentações sobre o panorama da energia nuclear no Brasil e no mundo; o desempenho de Angra 1 e 2; e a situação atual de Angra 3.

Recentemente, o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) criou um grupo de trabalho para discutir o contrato de venda da energia que será produzida por Angra 3. Como o valor atual está defasado, o equilíbrio econômico-financeiro da usina fica comprometido, impossibilitando a retomada das obras. O grupo conta com a participação de vários ministérios e inclui também a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e a Eletrobras.

A Eletronuclear espera a revisão do valor da tarifa para poder renegociar os financiamentos existentes junto ao BNDES e à Caixa Econômica Federal. Resolvida essa questão, a expectativa é escolher um parceiro privado minoritário que aporte os investimentos necessários para conclusão de Angra 3.

A ida de Moreira Franco à central nuclear incluirá visitas à Angra 2, onde o ministro vai conhecer a sala de controle e o prédio da turbina da unidade. Ele também visitará o canteiro de obras de Angra 3 e um dos almoxarifados onde estão armazenados equipamentos da unidade em construção.

2
Deixe seu comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
O Futuro de Angra 3 – Economia e EnergiaCláudio Mendes dos Santos Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Cláudio Mendes dos Santos
Visitante
Cláudio Mendes dos Santos

Essa obra está paralisada desde 2005 ou 2015?

trackback

[…]  CNPE criou o grupo de trabalho para discutir o contrato de venda da energia que será produzida por … […]