Megabanner

CONEXÃO DA USINA NUCLEAR DE TAISHAN 1 NA REDE CHINESA MARCA TAMBÉM A OPERAÇÃO DO PRIMEIRO REATOR EPR NO MUNDO

QQA China General Nuclear Power Group e o Grupo EDF anunciaram nesta sexta-feira(29) que a unidade 1 da usina nuclear de Taishan foi conectada à rede de fornecimentos de energia do país, tornando-se o primeiro EPR do mundo a atingir a conexão à rede de geração de energia. A expectativa é que a usina entre em operação comercial ainda este ano. O projeto de Taishan, a cerca de   140 quilômetros de Hong Kong, é de propriedade da Empresa Conjunta de Energia Nuclear de Guangdong Taishan, uma joint venture entre a EDF (30%) e a CGN. A unidade 1 da usina de energia começou a ser construída em 2009, seguida pela unidade 2 em 2010. Essas duas unidades são a terceira e quarta unidades de EPR em construção no mundo. O projeto EPR,  adotado em Taishan, foi desenvolvido pela francesa Framatome.

Zheng Dongshan, CEO da CGN no Reino Unido,  disse que  “A conexão segura e eficiente do novo reator Taishan 1 à rede é um grande passo à frente na China, mas também é importante para o Reino Unido, onde a mesma tecnologia EPR será usada em Hinkley Ponto C e Sizewell C. O fato de uma estação de energia EPR ter sido ligada à rede de eletricidade pela primeira vez reforça nossa forte confiança nessa tecnologia de reatores e no projeto de HPC como um todo “.

O presidente e CEO da empresa da Framatome, Bernard Fontana, disse que a conexão bem-sucedida da rede de Taishan 1 é um momento histórico para toda a indústria nuclear: “É o resultado de anos de engenharia realizados pela nossa empresa e uma cooperação frutífera com nosso cliente TNPJVC, bem como com a CGN e a EDF, nosso principal acionista e parceiro. Estamos agora focados em apoiar nosso cliente no início da operação comercial. da unidade 1. Nós também permanecemos totalmente engajados na conclusão e start-up de Taishan 2, Flamanville 3 e Olkiluoto 3, e na entrega de Hinkley Point C no Reino Unido. Todos os projetos atuais e futuros de EPR também serão beneficiados com a ampla experiência adquirida por nossas equipes. “

Desde a construção da usina nuclear de Daya Bay, a Framatome tem uma presença historicamente forte na China. CGN, EDF e Guangdong Yudian Group investiram conjuntamente na usina nuclear de Taishan. A Framatome contribuiu com importantes partes do escopo nuclear da usina, incluindo o sistema de fornecimento de vapor nuclear, instrumentação e controle de segurança, aquisição e suporte para montagem e comissionamento. A unidade 1 tem uma capacidade instalada de 1.660 MWe e pode fornecer eletricidade confiável de baixo carbono para mais de quatro milhões de residências chinesas.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of