ENTREGA DO CAMPO DE RONCADOR PARA EQUINOR E A PARADA DE UM FPSO FAZEM A PRODUÇÃO DE PETRÓLEO CAIR 1,5% EM JUNHO

111111Caiu um pouco a produção de petróleo no Brasil em junho em relação a maio, principalmente pela parada do FPSO Cidade de Paraty, localizado no campo de Lula no pré-sal da Bacia de Santos, e à cessão de 25% da participação do campo de Roncador para a Equinor, concluída em 14 de junho. A produção total de petróleo e gás da Petrobrás em junho, incluindo líquidos de gás natural (gnl), foi de 2,62 milhões de barris de óleo equivalente por dia, sendo 2,53 milhões boed produzidos no Brasil e 98 mil boed no exterior. A produção total operada da companhia (parcela própria e dos parceiros) foi de 3,30 milhões boed, sendo 3,17 milhões boed no Brasil. No país, a produção média de petróleo foi de 2,03 milhões de barris por dia, volume 1,5% inferior ao de maio. Em 22 de junho, foi iniciada a produção do FPSO Cidade de Campos dos Goytacazes, localizado no campo de Tartaruga Verde, na Bacia de Campos. Com isso, a produção de gás natural no Brasil, excluído o volume liquefeito, foi de 78,2 milhões de m³/d, 3,4% abaixo do mês anterior devido, principalmente, aos motivos citados acima.  No exterior, a produção de petróleo foi de 60 mil bpd, volume 2,3% acima do mês anterior, devido ao aumento de produção em campos na Nigéria. A produção de gás natural foi de 6,4 milhões de m³/d, volume em linha com o produzido em maio.

4
Deixe seu comentário

avatar
2 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
AlbertoRedação PetronotíciasRede Petro Rio | RPR News Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback
Alberto
Visitante
Alberto

Queria entender o que tem a ver a queda de produção do País com a cessão dos direitos de Roncador, onde isso interfere?