GAZPROM APROVEITA ALÍVIO NAS TENSÕES PARA REAVIVAR O PROJETO DE UM GASODUTO DA RÚSSIA PARA AS DUAS COREIAS

WWWA Gazprom, gigante  produtora russa de gás natural , está revendo com bons olhos os seus planos de construir um oleoduto para a Coréia do Sul, via  na Coréia do Norte. Isso se deve   aos  sinais de alívio das tensões na península coreana. A Gazprom planeja há muito tempo construir o gasoduto para a Coréia do Sul, mas o projeto não se materializou em meio a décadas devido ao clima bélico entre as duas Coreias. Essas tensões diminuíram este ano com o presidente da Coréia do Sul, Moon Jae-in, programado para participar de sua terceira cúpula com o líder norte-coreano Kim Jong Un na próxima semana em Pyongyang.

O vice-presidente-executivo, Alexander Medvedev, disse que a Gazprom havia retornado à ideia do gasoduto em junho “agora parecem ter aparecido melhorias na situação política. Estamos em contato com nossos colegas sul-coreanos e norte-coreanos. Estamos nos preparando para entrar em um estágio muito importante. Neste caso, é preferível chamar isso de fase de comprovação do investimento”. Seul defendeu uma cúpula soa três países  envolvendo também o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com o objetivo de chegar a uma declaração conjunta para encerrar formalmente a Guerra da Coréia de 1950 a 1953.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of