ROMÊNIA AMPLIA ACORDO COM MAIS DE 200 EMPRESAS CANADENSES FORNECEDORAS DE EQUIPAMENTOS NUCLEARES

WWWO Canadá e a Romênia aumentaram o intercâmbio na área nuclear. Os dois países assinaram um memorando de intenções em Bucareste que prevê várias maneiras das empresas OCNI, do Canadá, e Romatom, da RomÊnia, continuarem trabalhando juntas na identificação de oportunidades para fornecedores nucleares dos dois países. O acordo  Também incentivará e facilitará a cooperação entre institutos e universidades canadenses e romenos em pesquisa, desenvolvimento e educação nuclear. O documento foi assinado no primeiro dia de uma reunião conjunta da Indústria Nuclear Canadá-Romênia. A delegação comercial liderada pelo OCNI tinha funcionários graduados de 15 grandes empresas fornecedoras de equipamentos nucleares envolvidos em reuniões conjuntas com fabricantes romenos, bem como funcionários do Ministério da Energia. A delegação também fez uma visita à usina nuclear de Cernavoda e discutiu as oportunidades de projetos em andamento.

Fundada em 1979, a OCNI é uma associação de mais de 200 importantes fornecedores canadenses para a indústria nuclear no Canadá e no exterior. As empresas associadas da OCNI empregam coletivamente mais de 12 mil  pessoas que fabricam os principais equipamentos e componentes e fornecem serviços de engenharia e suporte às 19 unidades operacionais de Candu, no Canadá, bem como às plantas de reatores no exterior. A Romatom tem mais de 35 empresas membros que trabalham na fabricação de equipamentos de energia nuclear, construção, projeto de engenharia e outros serviços que apoiam a indústria nuclear na Romênia.

O presidente da OCNI, Ron Oberth, disse que  “A OCNI celebra a assinatura deste acordo e espera continuar uma forte relação de trabalho com a comunidade de fornecedores nucleares romenos no apoio à extensão vitalícia das unidades 1 e 2 de Cernavoda e no desenvolvimento de futuros projetos nucleares na Romênia. para um fornecimento seguro de energia na região, criação de empregos tanto na Romênia quanto no Canadá, e para novos desenvolvimentos tecnológicos. “ O diretor executivo da Romatom, Gheorghe Lucaciu, afirmou que  “A Romênia e o Canadá são parceiros de longo prazo em energia nuclear, começando com o desenvolvimento das unidades 1 e 2 da usina nuclear de Cernavoda, que estão entre as unidades nucleares de melhor desempenho no mundo em termos de fator de capacidade desde que estão em serviço. Estamos confiantes de que a futura cooperação entre nossas organizações renderá futuros projetos de sucesso.”

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of