PETROBRÁS VENDE PARTICIPAÇÃO EM ATIVOS NA NIGÉRIA POR US$ 1,5 BILHÃO

FPSO do campo de Egina

FPSO do campo de Egina

A Petrobrás irá vender para a Petrovida sua fatia de 50% na joint venture holandesa Petrobras Oil & Gas (PO&GBV), que possui participação em blocos de exploração e produção na Nigéria. O valor do negócio é de até US$ 1,530 bilhão.

Os 50% restantes da PO&GBV pertencem ao BTG Pactual, que irá permanecer no negócio. A joint venture detém 8% de participação no bloco OML 127, onde se encontra o campo produtor de Agbami; e uma parcela de 16% no bloco OML 130, que engloba as áreas de Akpo e Egina, em fase final de desenvolvimento. A PO&GBV não é operadora de nenhum dos ativos.

A parcela de produção da empresa brasileira nesses blocos soma cerca de 21 mil barris de óleo equivalente (óleo mais gás) por dia. A primeira prestação do pagamento será à vista, no valor de US$ 1,407 bilhão. O montante restante (US$ 123 milhões) será quitado posteriormente, assim que o processo de redeterminação do campo de Agbami for implementado.

A conclusão do negócio ainda está sujeita ao cumprimento de condições reguladoras, como as aprovações pelos órgãos governamentais nigerianos. A compradora dos ativos, a Petrovida, é uma joint venture formada pela holandesa Vitol (50%), pela canadense Africa Oil (25%) e pela africana Delonex.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of