MOBILIDADE URBANA USANDO O GÁS NATURAL SERÁ TEMA DE DEBATE EM ENCONTRO PROMOVIDO PELA ABEGÁS

aaA Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) vai realizar nos dias 22 e 23 de novembro, no Hotel Hilton Copacabana,  no Rio de Janeiro, a primeira edição do ‘Seminário Internacional – Mobilidade a Gás Natural: A Solução para o Brasil’.  O evento vai reunir empresários do setor de transportes, agentes fomentadores de políticas públicas, agentes formadores de opinião, associações do setor, concessionárias de gás canalizado e profissionais interessados no tema. O presidente executivo da Abegás Augusto Salomon(foto), disse que  “O Gás Natural Veicular (GNV) é usado internacionalmente como um combustível estratégico para reduzir o nível de emissões, não só em carros de passeio, mas em veículos pesados, no transporte público e de cargas, por conta da sua confiabilidade, produtividade operacional e segurança”. Com esse evento queremos fomentar a discussão de políticas públicas para o setor. A Abegás propõe promover acordos estaduais para a implementação de políticas públicas de incentivo ao uso de GNV em veículos pesados de carga e de transporte de pessoas, em substituição ao óleo diesel – e a criação corredores logísticos, com infraestrutura de abastecimento de GNV para veículos de transporte de carga.”

Essas propostas constam no documento “Uma indústria do Gás Natural Competitiva para o Brasil”, a agenda do setor para incentivar a cadeia produtiva, estimular a competitividade, o desenvolvimento da infraestrutura, o aumento da concorrência na oferta e o crescimento da demanda, entregue ao presidente eleito e à equipe de transição. Atualmente, a frota brasileira movida a GNV é de cerca de 2 milhões de veículos, com predomínio de veículos leves (táxis, frota cativas, autônomos e particulares). Mas a experiência internacional vem apontando para o uso cada vez maior do gás natural no transporte de cargas e passageiros, de acordo com o Gerente ade Estratégia e Competitividade da Abegás, Marcelo Mendonça.

O evento vai apresentar soluções tecnológicas e benefícios ambientais do uso de gás natural veicular em veículos pesados e leves. No dia 22, o diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires(foto), vão fazer a palestra inaugural sobre os ‘Novos Mercados para o Gás Natural’. Um dos destaques da programação é o painel sobre a frota de ônibus a gás natural em Madri, na Espanha, com palestra de Benito Páramo, especialista em mobilidade sustentável e energias alternativas. No dia 23, o destaque é o painel dedicado a políticas públicas. A diretora do Departamento de Gás Natural do Ministério de Minas e Energia, Symone Araújo, vai falar sobre as perspectivas de oferta de gás natural no Brasil. Outro convidado, o diretor de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), José Mauro Coelho, vai tratar da inserção do GNV na matriz da mobilidade urbana. A diretora técnica do Instituto Saúde e Sustentabilidade, Evangelina Vormittag, vai explicar os benefícios do uso do GNV para a Saúde Pública.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of