Megabanner

PETROBRÁS E PARCEIRAS INICIAM NOVA ETAPA DE TESTES NO CAMPO DE MERO

solange guedesNovidades no pré-sal. A Petrobrás e suas parceiras no consórcio de Libra anunciaram que começou uma nova etapa de testes de produção no campo de Mero. As companhias vão implantar o primeiro Sistema de Produção Antecipada (SPA) da área, com o objetivo de coletar dados e ampliar o conhecimento sobre o ativo.

Libra é um dos maiores polos de produção offshore da indústria mundial e terá papel crucial para o aumento da nossa curva de produção. Com o avanço da etapa de desenvolvimento da área, nosso Plano de Negócios e Gestão prevê a entrada de quatro sistemas definitivos em Libra nos próximos cinco anos. Não há dúvida que temos uma perspectiva promissora pela frente”, disse a diretora de Exploração e Produção da Petrobrás, Solange Guedes.

O SPA será operado pelo FPSO Pioneiro de Libra, com capacidade de produzir diariamente até 50 mil barris de petróleo por dia (bpd) e 4 milhões de metros cúbicos de gás associado. Esta nova etapa sucede o Teste de Longa Duração (TLD), concluído em outubro. Naquela ocasião, o poço produtor alcançou uma vazão recorde de 58 mil barris de óleo equivalente por dia (boed). Para a Petrobrás, esses resultados foram determinantes para reunir informações técnicas do campo e reduzir incertezas.

3
Deixe seu comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Luciano Seixas ChagasJOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA
Visitante
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA

Rumores sobre problemas: A entrada em operação do SPA ocorreu 71 dias após o consórcio de Libra interromper a produção do TLD para iniciar os preparativos do novo projeto, o que acabou gerando rumores sobre problemas técnicos. Originalmente, o consórcio previa que o sistema entrasse em operação em novembro, mas depois transferiu o cronograma do primeiro óleo para o dia 5 de dezembro, prazo que também acabou não sendo cumprido. Como o FPSO Pioneiro de Libra permaneceu na mesma posição, na prática o início de produção do SPA dependia apenas da desconexão da linha do poço injetor do TLD e… Read more »

JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA
Visitante
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA

COLAPSO PREMATURO DOS RISERS FLEXÍVEIS DO PRÉ-SAL: A entrada em operação do SPA ocorreu 71 dias após o consórcio de Libra interromper a produção do TLD para iniciar os preparativos do novo projeto, o que acabou gerando rumores sobre problemas técnicos. Originalmente, o consórcio previa que o sistema entrasse em operação em novembro, mas depois transferiu o cronograma do primeiro óleo para o dia 5 de dezembro, prazo que também acabou não sendo cumprido. Como o FPSO Pioneiro de Libra permaneceu na mesma posição, na prática o início de produção do SPA dependia apenas da desconexão da linha do poço… Read more »

Luciano Seixas Chagas
Visitante
Luciano Seixas Chagas

58 mil barris dia num só poço. Sem comentários senhores deputados senadores e executivos de agora e futuros. Estamos vendendo algo com esta produtividade a preço de banana. Por que?