A CHINESA CGN NEGA QUE VÁ COMPRAR EQUIPAMENTOS DA ROLLS ROYCE PARA USINA NUCLEAR QUE CONSTRÓI NA INGLATERRA | PetroNotícias





A CHINESA CGN NEGA QUE VÁ COMPRAR EQUIPAMENTOS DA ROLLS ROYCE PARA USINA NUCLEAR QUE CONSTRÓI NA INGLATERRA

FDDDA General Nuclear Power negou as informações  de que está negociando com a Rolls-Royce o fornecimento de equipamentos para uma usina nuclear que a companhia chinesa está construindo no Reino Unido para aliviar as preocupações de segurança nacional, dizendo que não mudou sua estratégia: “Não mudamos nossa estratégia de desenvolvimento nos três projetos de energia nuclear do Reino Unido. Vamos impulsionar a construção dos projetos com nossos parceiros”.  A negativa da CGN veio à medida que cresce as informações sobre as  empresas chinesas que se tornaram alvo das preocupações de segurança nacional de algumas autoridades estrangeiras. Especialistas chineses acreditam que  os investimentos tem gerado um  movimento político para conter a ascensão econômica e tecnológica da China.

O Financial Times informou na segunda-feira ( 21) que a CGN estava em negociações com a empresa britânica sobre o fornecimento dos sistemas de controle dos reatores Hualong HPR1000, uma concessão da empresa chinesa, que tem seus próprios sistemas de controle, que visam aliviar as preocupações de segurança nacional no país.  Em seu comunicado, a CGN não abordou diretamente a questão da segurança nacional, mas afirmou que a empresa sempre aderiu ao princípio da cooperação aberta e ganha-ganha.

A empresa confirmou que sua subsidiária assinou um contrato com a Rolls-Royce para fornecer conjuntamente instrumentos e soluções de sistemas de controle para “o mercado global de energia nuclear”.  Os registros mostram que pelo menos duas subsidiárias da CGN – Instituto de Pesquisa de Energia Nuclear de Suzhou e China Techenergy Co – já assinaram dois acordos separados com a Rolls-Royce sobre fornecimento e desenvolvimento de sistemas de controle. “A Rolls-Royce é uma das muitas empresas do Reino Unido que fornecem serviços e suporte para o projeto Hualong One”, disse a CGN neste  comunicado.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of