CAIXA DA PETROBRÁS TEM ROMBO DE R$ 9 BILHÕES POR CONTA DE VENDA DE COMBUSTÍVEIS | PetroNotícias





CAIXA DA PETROBRÁS TEM ROMBO DE R$ 9 BILHÕES POR CONTA DE VENDA DE COMBUSTÍVEIS

gasolina petrobrásA Petrobrás teria ainda um saldo negativo de R$ 9 bilhões em seus cofres por conta do período em que vendia gasolina e diesel mais baratos do que a cotação no mercado internacional. O prejuízo entre os anos de 2011 e 2014 seria de pelo menos R$ 71,2 bilhões. Para lembrar, durante a gestão de Dilma Rousseff, os preços dos combustíveis eram controlados – uma forma do governo segurar o aumento da inflação. A partir de 2015, a Petrobrás – afetada pela crise e pela Lava-Jato – passou a adotar a política de alinhamento de preços com o câmbio e o preço do barril. Assim, o ganho desde aquele ano até 2018 foi de R$ 62,2 bilhões, volume ainda inferior às perdas registradas anteriormente.

Os cálculos foram feitos pelo Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE) e publicados nesta segunda-feira (11) pelo jornal “O Globo”. A política de preços de combustíveis sofreu mudanças após a saída de Aldemir Bendine da presidência da Petrobrás. Com a chegada de Pedro Parente ao comando da estatal, os repasses nos valores do diesel e da gasolina eram quase que diários. Isto desencadeou a greve dos caminhoneiros, em maio de 2018, que culminou com a saída de Parente da presidência da petroleira.

Para tentar frear um pouco a frequência de reajustes, a Petrobrás anunciou no ano passado mecanismos de proteção à política de preços do diesel e da gasolina. Na prática, isto permite manter a cotação dos produtos estável nas refinarias por um período curto, em momentos de elevada volatilidade.

Enquanto isso, a Agência Nacional do Petróleo (ANP) diz que está preparando duas resoluções para dar mais transparência na formação dos preços dos combustíveis. Ainda segundo informações de “O Globo”, o diretor-geral da ANP, Décio Oddone, declarou que a Petrobrás tem cobrados preços acima da paridade e que distorções como esta só vão ter fim com maior transparência na formação dos preços.

2
Deixe seu comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
claudio da costa oliveiraJoão Manoel Luiz Filho Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
João Manoel Luiz Filho
Visitante
João Manoel Luiz Filho

Estas coisas precisam ser melhor explicadas. Uma coisa é alinhamento com o mercado mundial e outra é a venda abaixo dos custos. O que ocorreu? Um firma pode vender um produto X% acima dos custos mas este X% podem não ser suficiente para investimentos futuros. A outra é julgamento simplérrimo com o mercado internacional.

claudio da costa oliveira
Visitante
claudio da costa oliveira

Quanta bobagem. A Petrobras não teve qualquer “prejuizo” devido aos subsidios, pelo contrário, teve muito lucro , distribuiu dividendos e deu participação a seus empregados. Em 2011, em pleno subsidio, a Petrobras registrou a maior Geração Operacional de Caica de sua história US$ 33 bilhões, não mais alcançado. Em 2011 os brasileiros pagavam o preço mais baixo do mundo pelos combustível, beneficiando a todos. Nossas refinarias atuavam com 100% de suas capacidades, gerando emprego renda e impostos no Brasil. Hoje os brasileiros pagam os preços mais altos do mundo pelos combustiveis. Nossas refinarias trabalham com 30% de ociosidade enquanto derivados… Read more »