CASTELLO BRANCO INDICA NOVOS DIRETORES QUE SÓ SERÃO APROVADOS DEPOIS DE PASSAREM PELO COMPLIANCE DA PETROBRÁS

ddddPode  haver mudanças na diretoria financeira da Petrobrás. O presidente da empresa, Roberto Castello Branco, indicou dois nomes, mas eles precisarão do sinal verde do pessoal que comanda os procedimentos internos de governança corporativa, incluindo a análise de conformidade e integridade necessária ao processo sucessório da empresa, e encaminhada para apreciação do Comitê de Indicação, Remuneração e Sucessão e posterior deliberação do Conselho de Administração, em atenção ao disposto ao Estatuto Social da companhia. Os indicados foram, Andrea Marques de Almeida para o cargo de Diretora Executiva Financeira e de Relacionamento com Investidores da companhia e Rafael Salvador Grisolia(foto) para o cargo de Presidente da Petrobrás Distribuidora.

Rafael Grisolia permanecerá na função de Diretor Executivo Financeiro e de Relacionamento com Investidores na Petrobrás até a posse de sua sucessora. O atual presidente da BR Ivan de Sá retomará sua carreira na Petrobrás, onde atuou durante 30 anos, ocupando diversas funções executivas. Andrea Almeida é graduada em engenharia de produção pela UFRJ com MBA em Finanças pelo IBMEC-RJ e MBA em gestão pela USP, além de cursos de gestão na Wharton School of Finance e na Sloan Schoo lof Management – MIT. Atua na Vale há 25 anos com experiência nas áreas de Finanças Corporativas, Tesouraria Global e Gerenciamento de Risco. Atuou como líder da função de gestão de riscos no período de 2010 a 2014. Foi CFO da Vale Canada em Toronto de 2015 a 2018 e atualmente é Gerente Executiva de Tesouraria Global.

2
Deixe seu comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA
Visitante
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA

FALACIOSOS PROCEDIMENTOS SUCESSÓRIO NA PETROBRAS – CRIVO DA CONFORMIDADE E INTEGRIDADE: A submissão do rigoroso teste de conformidade e integridade necessária ao processo sucessório da PETROBRAS não restou eficiente nas derradeiras aplicações na Corporação Petroleira. Não podemos esquecer do Bendini e do João Elek, ambos foram submetidos ao rigorosos crivo da conformidade e integridade, mas esses procedimentos não resultaram em resultados satisfatórios. Bendini está preso em Curitiba e o ex Diretor de governança, risco e conformidade foi pilhado por pratica de nepotismo pela comissão de ética da presidência da Republica e teve que ser afastado da estatal petroleira. Para maiores… Read more »

JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA
Visitante
JOÃO BATISTA DE ASSIS PEREIRA

É preciso ficar bem claro que o tão propalado “Crivo processo sucessório de conformidade e integridade” em curso na PETROBRAS, que segundo consta são aplicado a potenciais candidatos a potenciais cargos de comando na Petrobras, não passa de um programa ineficiente e falacioso, que na verdade tem como propósito reprovar aqueles candidatos indicados pelo Governo Federal, ou justificar a retirada do rol daqueles potenciais candidatos internos da corporação no processo de admissibilidade na disputa ao acesso a cargos eletivos e sucessórios do seu alto escalão. Como exemplo, não podemos esquecer que a estatal petroleira reprovou recentemente um graduado funcionário da… Read more »