PROJETOS DE INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL EM INDÚSTRIAS TERÃO R$ 4,3 MILHÕES PARA SEREM FINANCIADOS

WProjetos inovadores que envolvam uso de inteligência artificial, robotização e digitalização na indústria de óleo e gás terão apoio da Repsol Sinopec Brasil e do Edital de Inovação para a Indústria para serem desenvolvidos. As inscrições já estão abertas para a seleção de até cinco propostas ao custo individual de até R$ 866,6 mil. No total, serão investidos até R$ 4,3 milhões na chamada, que busca soluções com ferramentas da chamada Indústria 4.0.   A integração entre os mundos físico e virtual para aumento de produtividade. As propostas selecionadas receberão apoio para desenvolvimento de uma prova de conceito, passando por processos de validação, de protótipo e de teste na rede de 26 Institutos SENAI de Inovação e 58 Institutos SENAI de Tecnologia. Cada projeto aprovado deverá ter duração máxima de 12 meses.

A área de óleo & gás enfrenta desafios como coletar e integrar múltiplas fontes de dados em um ambiente complexo e com baixa padronização. O objetivo é encontrar soluções que agreguem inteligência aos processos, permitam a correlação de dados e a análise de resultados. “O Desafio Repsol Sinopec Brasil de Digitalização visa impulsionar o desenvolvimento de soluções que integrem sensoriamento, processamento, inteligência artificial, robotização, modelagem computacional direcionada para redução de custos, economia de tempo, aumento da segurança e redução do impacto ambiental no setor”, explica o regulamento.

A chamada, que faz parte da categoria Empreendorismo Industrial do Edital, tem os seguintes temas: aumento da eficiência operacional, saúde, segurança e meio ambiente; e engenharia de reservatórios. A Repsol deseja, por exemplo, sistemas para dar suporte à tomada de decisão em tempo real durante a perfuração de poços; que utilizem robótica a fim de diminuir as atividades de mergulho, a exposição de pessoas em ambientes com riscos e a utilização de andaimes nas atividades de manutenção. A intenção também é financiar propostas que utilizem algoritmos de inteligência artificial e supercomputação para auxiliar a identificação dos melhores locais de WSWSWperfuração, entre outras possibilidades.

Tamara Garcia, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da Repsol Sinopec Brasildiz que  “Para a companhia, a cooperação é o caminho mais efetivo para a inovação. O objetivo é o desenvolvimento de tecnologias que possibilitam um processo de tomada de decisão mais seguro e preciso, viabilizam o desenvolvimento de campos e maximizam os resultados dos ativos, sempre priorizando a segurança das pessoas e a preservação do meio ambiente”.

O gerente de Inovação do Sebrae, Célio Cabral, diz que  “A atuação do Sebrae nessa chamada visa promover de inserção das micro e pequenas WXZZempresas, incluindo startups, no processo de Encadeamento Tecnológico junto a Médias e Grandes Empresas. O processo em que o desenvolvimento tecnológico e inovação acontece de forma colaborativa entre as empresas e os Institutos Senai de Tecnologia e Inovação. A parceria entre o Sebrae e o Senai nos projetos viabiliza o desenvolvimento de novas soluções, que tem na tecnologia seu maior diferencial de mercado, aumentando a competitividade dos pequenos negócios envolvidos no desenvolvimento dessas soluções inovadoras. Enfim, um verdadeiro ganha-ganha entre todas as partes envolvidas”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of