Megabanner

QUATRO NAVIOS, DOIS PETROLEIROS, SÃO ATACADOS NO ESTREITO DE ORMUZ POR ONDE TRANSITAM 70% DO ÓLEO COMERCIALIZADO NO MUNDO

081119-N-0075S-003Dois navios petroleiros da Arábia Saudita sofreram ataques no Estreito de Ormuz, próximo a Costa dos Emirados Árabes Unidos. Outros dois navios também foram atacados  nesta segunda-feira (13).  As confirmações vieram do próprio  ministro de energia saudita, Khalid al-Falih. A Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos são dois atuais  maiores produtores de petróleo do planeta. O episódio ocorreu por volta das 6h de domingo (12), próximo a Furaijah, um dos maiores centros de abastecimento de combustível do mundo, no momento em que as embarcações estavam a caminho do Golfo Pérsico. Segundo Falih, os ataques não geraram vítimas e nem vazamento de petróleo no mar, no entanto, causaram danos significativos nas estruturas dos navios.

O ataque aconteceu em meio ao conflito do relacionamento comercial entre Estados Unidos e Irã, que travaram batalha com descumprimento do acordo internacional e imposição de sanções econômicas. Os ataques,  contudo, foram  classificados como uma  “tentativa de minar a segurança do abastecimento internacional”. No entanto,  não se sabe quem foram os  responsáveis. 70 % do petróleo do mundo passam pelo estreito de Ormuz. O Irã havia ameaçado impedir esse tráfego por suas águaa territoriais no golfo.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of