Megabanner

RÚSSIA LANÇA QUEBRA GELOS MOVIDO A ENERGIA NUCLEAR PARA EXPLORAÇÃO COMERCIAL DA ROTA DO MAR DO NORTE

GFCom o lançamento do navio  quebra-gelo ártico Ural, a  Rosatom, empresa estatal russa de energia nuclear, completou mais um passo para garantir a navegabilidade durante todo o ano da rota do Mar do Norte. Com 173 metros de comprimento  o  Ural  está equipado com dois reatores  compactos a bordo. Eles são capazes de gerar até 350mw combinados, permitindo que o navio atravesse camadas de gelo de até 3 metros de espessura. Os reatores do tipo RITM-200 faz sua estreia mundial no Ural, bem como em suas embarcações irmãs do projeto 22220, o Arktik e o Sibir, antes de a  Rosatom implanta-los em uma usina nucleares flutuantes, que está finalizando sua construção.

Outra característica única do projeto 22220,  é o seu design de duplo-calado. Os tanques do reator podem ser ajustados para alterar o esboço do navio,  dependendo  se a embarcação precisa navegar no mar Ártico ou nos estuários rasos de um rio. Com esta solução de design,  a Rosatom está recebendo dois tipos de quebra gelos pelo o preço de um, representando uma economia de custo potencial de centenas de milhões de dólares, segundo a empresa.

O Diretor Geral da Rosatom, Alexey Likhachev, disse que  “O  Ural, juntamente com Artik e o Sibir, são peças centrais para o nosso projeto estratégico URAL-launchingde abertura da rota do Mar do Norte  para a atividades durante todo o ano. Nosso objetivo para 2024 é para que mais de 80 milhões de toneladas métricas de remessas passem através dessa rota. Também planejamos adicionar mais dois navios dos projetos 22220 à nossa frota nuclear de quebra-gelos em 2027. Esperamos que o contrato de construção desses quebra-gelos sejam assinados até o final de agosto”. As 80 milhões de toneladas métricas, objetivo da companhia, consiste principalmente de gás natural (47 milhões toneladas), carvão (23 milhões toneladas), petróleo (5 milhões toneladas), produtos industriais pesados, como máquinas (5 milhões toneladas) e 1 milhão de tonelada de metais.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of