LEILÃO PARA SUPRIMENTO EM RORAIMA TERMINA COM 294 MW CONTRATADOS E R$ 1,6 BILHÃO EM INVESTIMENTOS | PetroNotícias





LEILÃO PARA SUPRIMENTO EM RORAIMA TERMINA COM 294 MW CONTRATADOS E R$ 1,6 BILHÃO EM INVESTIMENTOS

Leião-de-Geração---Boa-Visa-31-05-DESTAQUEO leilão de energia realizado nesta sexta-feira (31) pelo governo, para o suprimento da capital Boa Vista e demais regiões de Roraima, terminou com a contratação de 294 MW de potência. Segundo estimativas do Ministério de Minas e Energia, a expectativa de investimentos é da ordem de R$ 1,6 bilhão e cálculos indicam que os novos empreendimentos ajudarão a reduzir a conta de luz dos consumidores. Entre os vencedores, estão a Oliveira Energia, BBF, Enerplan, Uniagro e a Eneva – esta que vendeu a produção futura da termelétrica Azulão.

Segundo a pasta, o valor da energia gerada pelas térmicas é de R$ 1.287/MWh. Mas com o resultado do leilão, haverá redução de 35% com o novo valor médio de R$ 833/ MWh. “O governo visa diminuir a dependência energética gerada da Venezuela e também a necessidade de acionar usinas térmicas a diesel, mais caras e poluentes. O principal objetivo é contratar energia de fontes renováveis como solar, biomassa e eólica”, declarou o MME.

Com o leilão, Roraima terá 42% de energia renovável e 43% de geração a gás, com projetos híbridos inéditos de biocombustível e solar. Outro destaque foi a menor participação de diesel no leilão, com contratação de apenas 15% da fonte. “O primeiro leilão do governo Bolsonaro […] foi extremamente bem sucedido. Estamos agora dando passos firmes para a segurança energética do único estado que ainda não é interligado ao sistema nacional”, declarou o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, que esteve na sessão de ofertas, em São Paulo.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of