MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA PERMITE IMPORTAÇÃO DE GNL PARA TERMELÉTRICA NO PORTO DO AÇU | PetroNotícias





MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA PERMITE IMPORTAÇÃO DE GNL PARA TERMELÉTRICA NO PORTO DO AÇU

TermeletricaO Ministério de Minas e Energia (MME) deu o sinal verde para que a empresa UTE GNA I Geração de Energia (formada por Prumo Logística, BP e Siemens) importe até 5,8 milhões de metros cúbicos de gás natural liquefeito (GNL). O volume será destinado à termelétrica GNA I, que será instalada no Porto do Açu, em São João da Barra (RJ).

A autorização terá validade entre 1º de março de 2020 a 30 de junho de 2022. O GNL será entregue no navio de regaseificação do tipo FSRU [Floating Storage Regasification Unit], dentro do Terminal 2 do Porto do Açu. O MME determinou ainda que a empresa apresente à Agência Nacional do Petróleo (ANP) até o dia vinte e cinco de cada mês, um relatório detalhado sobre as operações de importação realizadas no mês imediatamente anterior.

A termelétrica GNA I está previsto para entrar em operação comercial em 2021. A usina terá capacidade de 1,3 GW e vai dispor de um terminal de regaseificação de GNL, uma linha de transmissão e uma subestação, que ligará a unidade do Sistema Interligado Nacional (SIN). Além da GNA I, existe no planejamento também uma segunda unidade (GNA II), que terá capacidade de 1,7 GW quando concluída.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of