PRÁTICA ENGENHARIA GANHA CONCORRÊNCIA PARA OBRAS EM SUBESTAÇÕES DE FURNAS NO NORTE FLUMINENSE | PetroNotícias





PRÁTICA ENGENHARIA GANHA CONCORRÊNCIA PARA OBRAS EM SUBESTAÇÕES DE FURNAS NO NORTE FLUMINENSE

dsssssA Prática Engenharia assinou com Furnas um  contrato de R$ 60 milhões para  a  Implantação em regime Turn Key (EPC), de um banco de autotransformadores monofásicos AT03 345/138-13,8 kV e demais equipamentos associados ao seu vão da Subestação (SE) de Campos 19R; O contrato vale também para a adequação do setor de 138kV de barra principal e a transferência para barra dupla a quatro chaves e instalação de proteção diferencial do tipo adaptativa no setor de 138 kV da Campos 20R ambas na Subestação de Campos, localizada no Município de Campos dos Goytacazes, no norte fluminense. A subestação 19R ganhará um novo banco de transformadores trifásicos de 225 MVA em 345KV.

A subestação 20R será construída ao lado da 19R e propiciará uma maior flexibilidade de manobras e aumento da segurança na alimentação dos consumidores daquela região. O prazo para conclusão do projeto é de 44 meses, porém a Prática está desenvolvendo o projeto com a condição de redução deste prazo em 6 meses. Além da responsabilidade de gerenciar o contrato como um todo, a Prática vai implantar uma metodologia de realização da obra que permitirá, além da redução do prazo acima, xxxxmenores interrupções no fornecimento de energia e maior segurança na realização do empreendimento.

De acordo com o seu Presidente Sérgio Murilo Nascimento Mota(foto), vários desafios estão sendo colocados para a equipe da Prática. O principal é a urgência da obra devido a necessidade estratégica de Furnas de diminuir a fragilidade do sistema diante de um novo panorama estabelecido com a ANEEL. O outro desafio é a realização da ampliação com a subestação 19R energizada, e produzindo os menores intervalos de desligamentos anteriormente programados. Visando aumentar a receita operacional de Furnas, também se coloca a antecipação do prazo de entrega com a antecipação de sua entrada em operação e o correspondente retorno para Furnas. Sérgio Murilo também disse que “ a Prática está preparada para o esforço de atender o nosso País com uma infraestrutura capaz de suportar o seu crescimento, e para isso além dos mercados de Energia, Saneamento e Habitação está dedicada a ampliar sua atuação no mercado de óleo & gás.”

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of