SEXTA UNIDADE DA USINA NUCLEAR CHINESA DE YANGJIANG ENTRA EM OPERAÇÃO COMERCIAL | PetroNotícias





SEXTA UNIDADE DA USINA NUCLEAR CHINESA DE YANGJIANG ENTRA EM OPERAÇÃO COMERCIAL

DCIM100MEDIADJI_0031.JPGA unidade 6 da usina nuclear de Yangjiang, na província chinesa de Guangdong, cumpriu as condições de operação comercial e agora está gerando eletricidade. O anuncio foi feito pela  China General Nuclear, informando que agora tem apenas a formalidade de aguardar as permissões e documentação restantes. O reator de água pressurizada ACPR1000 de 1.000 MWe.  A Yangjiang 6 foi conectado à rede elétrica em 29 de junho. Desde então, uma série de testes de comissionamento foram realizados na unidade, incluindo um teste de carga e uma demonstração com duração de 168 horas.

Em um comunicado, a CGN informa que  “A qualificação da unidade 6 de Yangjiang para operações comerciais significa que seis unidades planejadas de geração de energia nuclear de Yangjiang foram colocadas em operação. A Yangjiang Nuclear também obterá certificados, como o Alvará de Energia Elétrica, conforme exigências relevantes. Normalmente, o momento em que os procedimentos relevantes foram concluídos é determinado como o momento em que tal unidade inicia sua operação comercial.”

 As primeiras quatro unidades em Yangjiang são CPR-1000, com as unidades 5 e 6 sendo ACPR-1000. A unidade 1 entrou em operação comercial em março de 2015, com as unidades 2, 3 e 4 seguindo em junho de 2015, janeiro de 2016 e março de 2017, respectivamente. O primeiro concreto para a unidade 5 de Yangjiang foi lançado em setembro de 2013, com o da unidade 6 após três meses depois. A unidade 5 entrou em operação comercial em julho de 2018. Segundo a CGN, as seis unidades em Yangjiang irão gerar cerca de 48 terawatts-hora de eletricidade por ano. Em comparação com a geração equivalente que utiliza combustíveis fósseis, a usina reduzirá o consumo de carvão padrão em 14,83 milhões de toneladas e as emissões de dióxido de carbono em 38,78 milhões de toneladas. Yangjiang 6 torna-se o 23º reator de potência da CGN em operação comercial, com uma capacidade combinada de 25,39 GWe. Também possui cinco unidades em construção, com capacidade instalada de 6,35 GWe.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of