MAIOR FEIRA DE MINERAÇÃO DA AMÉRICA LATINA SERÁ REALIZADA EM BELO HORIZONTE | PetroNotícias





MAIOR FEIRA DE MINERAÇÃO DA AMÉRICA LATINA SERÁ REALIZADA EM BELO HORIZONTE

Catoca 1Está se aproximando uma das grandes exposições do setor de mineração da América Latina: a Exposibram. Este ano, ela terá mais de 15 mil m² de estandes, com a participação das principais mineradoras com atuação global e grandes fornecedores de produtos e serviços. No espaço, serão apresentadas as principais tendências em tecnologia, equipamentos, softwares e outros produtos ligados à indústria mineral, além de dados sobre investimentos e gestão.  Na última edição, realizada em 2017, foram 45 mil visitantes de 28 países, mil congressistas, 107 expositores estrangeiros e 308 brasileiros. A OEC – Odebrecht Engenharia e Construção participará do evento expondo o seu acervo de grandes projetos de mineração ao redor do mundo. A  feira vai reunir centenas de empresários, representantes de organizações governamentais e privadas. O evento será realizado de 9 a 12 de setembro, em Belo Horizonte (MG), promovido pelo Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM).

Carlos Eduardo Rosa, diretor de Contratos da OEC, explica que a participação no evento reforça a presença da empresa no setor, que tem em seu histórico grandes projetos na área de mineração, como a mina Yanacocha (Peru), as obras de expansão da estrada de ferro e a ampliação da mina de Carajás (Maranhão), a construção de trechos importantes da Ferrovia Norte-SulCallao 2 (Tocantins), da planta da Usiminas, em Minas Gerais, ente outras: “Ao longo dos 75 anos, a OEC atuou em 142 projetos de infraestrutura associadas a mineração em regiões com grande complexidade, tanto geográfica quanto social. Isso nos credencia a atuar com excelência técnica em obras do setor”.

No evento, a OEC contará com um estande para fazer a apresentação institucional da empresa e de todo o seu portfólio. As obras da OEC no ramo da mineração também abrangem Angola, com o projeto de Catoca (foto principal), e Moçambique, com o projeto Carvão Moatize, executado para a Vale. No Peru, a OEC tem grande tradição no Moatize 1setor, ainda com o Muelle de Mineralles, realizado em Callao (foto à direita), o projeto Matarani e a Mina Yanacocha. No Brasil, entre dezenas de obras do setor, a empresa atuou na implantação do Pier IV do Terminal Ponta da Madeira e na obra Aços Longos, da CSN, no Rio de Janeiro. Em Minas Gerais, no Complexo de Timbopeba e Natividade. Na Bahia, esteve à frente do Lagoa Real e, no Pará, a empresa executou as obras de Onça Puma e da mineração Rio do Norte.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of