IBAMA EMITIU LICENÇA DE INSTALAÇÃO PARA O DEPÓSITO DE COMBUSTÍVEL USADO DAS USINAS DE ANGRA | PetroNotícias





IBAMA EMITIU LICENÇA DE INSTALAÇÃO PARA O DEPÓSITO DE COMBUSTÍVEL USADO DAS USINAS DE ANGRA

angra2O setor de geração nuclear no Brasil deu um novo avanço. O Ibama emitiu nesta semana a licença de instalação da Unidade Complementar de Armazenamento a Seco de Combustíveis Irradiados (UAS) das usinas nucleares de Angra. O empreendimento vai abrigar os combustíveis usados em Angra 1 e Angra 2 provisoriamente, até que o governo federal decida pela construção de um depósito definitivo. A previsão de investimento no projeto é de R$ 246 milhões.

Uma das condicionantes do Ibama é apresentação, em até 90 dias após a emissão da licença, de uma proposta de estudo de simulação de máxima influência térmica da operação da UAS no ecossistema local, Centro de Informação, Heliponto e limite mais próximo da BR-101 em relação à unidade.

Além da autorização ambiental do Ibama, a UAS depende do licenciamento nuclear, que está a cargo da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) – responsável por emitir a Licença de Construção e a Autorização de Operação da unidade.

A UAS ficará dentro da Central Nuclear de Angra, fora das áreas das usinas. A previsão é que a primeira transferência de combustível usado de Angra 1 e Angra 2 para a UAS aconteça em 2021. Ao todo, 288 elementos combustíveis serão retirados de Angra 2 e 222 de Angra 1. Atualmente, o material está armazenado dentro de piscinas localizadas nas plantas nucleares.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of