MINERADORAS CRIAM FÓRUM ESPECIAL PARA DISCUTIR PROBLEMAS DO SETOR QUE ENVOLVE 9.400 EMPRESAS | PetroNotícias





MINERADORAS CRIAM FÓRUM ESPECIAL PARA DISCUTIR PROBLEMAS DO SETOR QUE ENVOLVE 9.400 EMPRESAS

uyyytrO Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) vai promover, bimestralmente, o Fórum de Entidades da Cadeia Produtiva da Mineração, que tem como objetivos intensificar a interação entre essas organizações, estabelecer posicionamentos na defesa de interesses sobre temas críticos, definir novas agendas e espaços de articulação integrada entre as entidades, e assegurar o alinhamento sobre propostas de novas políticas públicas. O primeiro encontro  aproveitou a Expo & Congresso Brasileiro de Mineração (EXPOSIBRAM 2019), que termina amanhã (12), em Belo Horizonte (MG), com a presença do secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral, do Ministério das Minas e Energia, Alexandre Vidigal de Oliveira, e outros 30 representantes da cadeia produtiva da mineração.

Representantes das entidades e empresas presentes ao Fórum manifestaram suas preocupações com os rumos do setor da mineração. Os pontos apresentados serão transformados em plano de ação para compor uma agenda da mineração. O próximo encontro será realizado no dia 8 de novembro de 2019, no escritório do IBRAM, em Brasília (DF). O secretário Alexandre Vidigal ressaltou a importância do setor da mineração para o desenvolvimento econômico e social do Brasil: “É fundamental impulsionar  a mineração brasileira. Os números são relevantes e têm potencial para melhorar ainda mais”, disse o secretário. Para ele, o Brasil vive um novo momento, marcado yyrrrddpelo otimismo, e assegurou que há espaço para “fazer mais e melhor para o Brasil”.

O diretor-presidente do IBRAM, Flávio Penido, acredita que, por meio do Fórum, será possível promover maior integração e o fortalecimento do segmento. Ele disse que o IBRAM tem buscado uma atuação mais dinâmica. O Fórum, de acordo com Penido, é um anseio das empresas associadas, que buscam uma representação institucional que mantenha o segmento alinhado, sobretudo no momento que novas agendas públicas na mineração são demandadas. O presidente do Conselho Diretor do IBRAM, Wilson Brumer, lembrou que a entidade vem passando por reestruturação para apoiar a cadeia produtiva da mineração, setor que é formado por 9.400 mineradoras em todo o Brasil de diferentes portes. “O IBRAM será uma entidade para todos. Queremos fazer da mineração parte da política de desenvolvimento social e econômico do Brasil”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of