POSIDONIA FAZ PRIMEIRO CONTRATO DE NAVIOS DE LONGO CURSO PARA TRANSPORTAR MINÉRIO ENTRE SÃO LUIZ E TUBARÃO

saaaaA companhia de navegação Posidonia, especializada no transporte de cargas na costa brasileira (cabotagem) e longo curso, anunciou seu primeiro contrato de afretamento de navios do tipo capesize (uma das maiores embarcações de carga da atualidade). O acordo, firmado com a CTM, prevê a locação do cargueiro MV Aquarange (foto) para transportar 160 mil toneladas de minério de ferro entre os portos Ponta da Madeira (MA) e Tubarão (ES), envolvendo 25 tripulantes e 30 dias de operação. Abrahão Salomão, sócio da companhia, disse que “É uma enorme satisfação entrar para o seleto grupo de capes do Brasil, restrito até agora a duas empresas. Isso mostra que o nosso tipo de serviço, aliado a um custo extremamente competitivo e atraente ao empresário, tem atraído o interesse de mais empresas que enxergam a cabotagem como um diferencial estratégico em seus custos.”

A Posidonia deve encerrar o ano com faturamento de R$ 100 milhões, representando um acréscimo de 50% em relação ao ano anterior. De janeiro a junho deste ano, o volume de carga transportada pela Posidonia chegou a cerca de 500 mil toneladas. “Nesse primeiro semestre nossos resultados foram bastante consistentes. Estimamos chegar até o final deste ano com quase 1 milhão de toneladas de volume de carga transportada”, prevê Abrahão. A companhia nasceu em julho de 2010 na cidade do Rio de Janeiro, mas deu início às operações em abril de 2013. A empresa emprega hoje cerca de 100 funcionários, entre pessoal embarcado e em solo.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of