Megabanner

EXPLOSÃO EM PETROQUÍMICA DE BARCELONA SACODE A CIDADE E DEIXA PELO MENOS UMA PESSOA MORTA

AAPelo menos quatro feridos, um em estado grave. Este é o primeiro balanço da forte explosão que ocorreu na tarde desta terça-feira(14) numa petroquímica em Tarragona, na Catalunha, acaba de  noticiar a imprensa espanhola. Os serviços de proteção civil de Cambrils y Salou, onde se verificou a explosão, aconselhou os habitantes da zona a não saírem à rua. Além dos feridos, há registo de vidros partidos em diversos imóveis da zona. A explosão, referem os jornais espanhóis, foi violenta.

A Proteção Civil confirmou que o incidente se passa no complexo da empresa Industrias Químicas del Óxido de Etileno e diz ainda não ter novos conhecimento de feridos ou da extensão dos danos. O órgão recomendou que os moradores da região procurassem abrigo em outros locais ou se trancassem em suas casas. Também informou que não há nenhum registro de nuvem tóxica proveniente do local. A explosão foi ouvida a vários quilômetros de distância.

Segundo informação dos Bombeiros da Catalunha, há oito corporações combatendo  o incêndio. A Cadena Ser, que cita os Mossos d’Esquadra, avança que até ao vvvvvmomento foram registados cinco feridos, um deles em estado considerado muito grave. Inicialmente, a Proteção Civil pediu aos mais de 300.000 habitantes de Tarragona, Salou, Vilaseca, Reus, Contantí, Morell e La Canoja que não saiam de casa e encerrem as portas e janelas. mmmmMais tarde esta ordem de restrição foi imposta apenas a Vilaseca LA Canoja e parte de Tarragona. Em Vilaseca, La Canoja e em parte de Tarragona ouvem-se sirenes, num sinal para as pessoas permanecerem em casa, com portas e janelas fechadas. Os motivos da explosão ainda não são conhecidos. No local, permanece um forte dispositivo dos serviços de emergência.

 

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of