Megabanner

ENERGIA EÓLICA OFFSHORE NOS EUA DEVE ATRAIR MAIS RECURSOS QUE PRODUÇÃO DE ÓLEO E GÁS NO MAR, APONTA ESTUDO

Block_Island_offshore_wind_farm_P6290638m

Block Island Wind, primeiro projeto de energia eólica offshore dos EUA

A capacidade eólica instalada no mar dos Estados Unidos pode chegar a 20 gigawatts (GW) até 2030 e os investimentos anuais no setor poderão ultrapassar os US$ 15 bilhões em meados da década de 2020. Para se ter ideia, o valor estimado para projetos offshore de petróleo e gás no país devem atingir, em média, US$ 14,8 bilhões entre 2020 e 2025. Os dados fazem parte de um novo estudo elaborado pela empresa de pesquisa energética norueguesa Rystad Energy e divulgado nesta semana.

Atualmente, existem 6 GW de projetos eólicos offshore nos EUA que foram sancionados para desenvolvimento, exigindo investimentos coletivos de mais de US$ 20 bilhões nos próximos cinco anos. Assumindo o apoio contínuo dos órgãos reguladores, muitos outros projetos serão sancionados nos próximos anos, e esperamos ver investimentos anuais no setor exceder US$ 15 bilhões até o meio da década”, projetou o diretor de consultoria de Nova York da Rystad Energy, Tim Bjerkelund. Ele ainda acrescenta que essa previsão sinaliza uma nova “revolução energética” no país.

Desde 2016, os EUA já contam com o projeto Block Island Wind, que está operacional desde aquele ano. A partir de 2021, a Rystad mapeou um conjunto de pelo menos 11 novos projetos entrando em operação até 2025. Um deles, chamado de Vineyard Wind, deve ter custos próximos aos níveis dos projetos europeus, que já estão em estágio mais avançado. Isso, na avaliação da Rystad, é um bom sinal para o setor americano, que ainda está engatinhando.

De acordo com a órgão americano Energy Information Administration, o potencial de energia eólica offshore nos país é de 7200 TWh. O nordeste dos EUA depende ainda de importação de energia, seja de outros estados ou até mesmo de outros países. As fontes renováveis mais tradicionais, como eólicas onshore e offshore podem ajudar, mas como demandam grande espaço de terra, trataria problemas em áreas de alta densidade populacional, como é o caso da região.

O surgimento de energia eólica offshore como uma indústria nos EUA é realmente emocionante. A transição energética está ocorrendo agora – não através de pequenos projetos de teste, mas através de projetos de escala de serviços públicos que exigem bilhões de dólares em investimentos. Os fornecedores dos EUA devem tomar nota – esse novo setor poderá superar o petróleo e o gás offshore em apenas alguns anos, oferecendo muitas novas oportunidades”, conclui Bjerkelund.

1
Deixe seu comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] “Atualmente, existem 6 GW de projetos eólicos offshore nos EUA que foram sancionados para desenvolvimento, exigindo investimentos coletivos de mais de US$ 20 bilhões nos próximos cinco anos. Assumindo o apoio contínuo dos órgãos reguladores, muitos outros projetos serão sancionados nos próximos anos, e esperamos ver investimentos anuais no setor exceder US$ 15 bilhões até o meio da década“, projetou o diretor de consultoria de Nova York da Rystad Energy, Tim Bjerkelund. Ele ainda acrescenta que essa previsão sinaliza uma nova “revolução energética” no país. LEIA A MATÉRIA COMPLETA NO NOSSO SITE. […]