Megabanner

PRIMEIRO MINISTRO BRITÂNICO LANÇA A COP26 E PROMETE FIM DA PRODUÇÃO DE VEÍCULOS MOVIDOS A COMBUSTÍVEIS FÓSSEIS EM 2035

wwsswsssO primeiro-ministro britânico Boris Johnson lançou hoje (4) oficialmente a próxima cúpula climática da ONU ao lado  do primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte,  em um evento no centro de Londres. Johnson pediu a todas as nações que seguissem a liderança que o Reino Unido assumiu no ano passado para se tornar o primeiro país a se comprometer legalmente a alcançar emissões líquidas zero até 2050. O Reino Unido e a Itália são co-anfitriões da COP26, que será realizada em Glasgow, Escócia, em novembro. 

 Johnson anunciou que o lançamento de hoje também inicia um Ano de Ação Climática, com eventos a serem realizados nas quatro nações do Reino Unido. Ele anunciou que o governo havia antecipado sua proibição de vender carros novos a gasolina, diesel ou híbridos no Reino Unido em 2035, o mais tardar: “2020 deve ser o ano em que viramos a maré com o aquecimento global – será o ano em que escolheremos um futuro mais limpo e mais verde para todos”, disse Johnson em discurso no Museu de Ciência de Londres. “Fomos os primeiros a industrializar, por isso temos a responsabilidade de liderar o caminho. A Terra passou por um período catastrófico, quando a dependência de combustíveis fósseis ficou fora de controle, afetando as ssqspopulações mais vulneráveis do planeta”.

Tom Greatrex (foto abaixo), CEO da Associação da Indústria Nuclear do Reino Unido, disse em um comunicado que, para atingir as emissões líquidas zero até 2050 e impulsionar um boom em veículos elétricos e aquecimento, o Reino Unido precisava Tom-Greatrex-2quadruplicar sua produção de energia limpa: “Atualmente, a Nuclear fornece quase metade de toda a nossa eletricidade com zero carbono e, para progredir, precisamos substituir nossa frota em retirada e fazer mais. A boa notícia é que temos projetos nucleares esperando nos bastidores, prontos para fornecer energia limpa, empregos e investimentos, e temos os meios para fazer isso a um custo drasticamente reduzido. Com a política energética atualizada chegando nesta primavera, é hora de agir agora. “

A secretária de Negócios e Energia Andrea Leadsom disse em comunicado divulgado pelo Gabinete que aproveitar ao máximo o “enorme potencial econômico das tecnologias limpas é sua prioridade número um”, enquanto a secretária de Transporte Grant Shapps disse que os 1,5 bilhão de libras esterlinas do governo ( US$ 2 bilhões) para tornar mais fácil possível a posse de um veículo elétrico – só no ano passado, um carro totalmente elétrico foi vendido a cada 15 minutos. Ele anunciou que o governo havia antecipado sua proibição de vender carros novos a gasolina, diesel ou híbridos no Reino Unido entre 2040 e 2035, o mais tardar.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of