Megabanner

PARA REPOR PETROLEIROS EM GREVE, PETROBRÁS INICIA CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL DE FUNCIONÁRIOS

02/03/.2020 FUP.: FederaçãoÚnica dos Petroleioros. ManisfestA greve de petroleiros está produzindo oportunidades de empregos na Petrobrás. A companhia já iniciou a contratação imediata de pessoal e serviços, de forma emergencial, para garantir a continuidade operacional em suas unidades durante a greve dos petroleiros iniciada no sábado passado (1º). Desde que começou a greve, a maior manifestação em frente a sede da companhia foi ontem (7), em função do apoio de  sindicatos de outras atividades ligados a CUT,  e até de alguns políticos, mesmo acusados de corrupção por desviar dinheiro da própria Petrobrás, apoiaram as manifestações em frente à sede da empresa.

A medida dando aval para a Petrobrás contratar novos funcionários foi autorizada pelo Tribunal  Superior do Trabalho (TST).  Para lembrar, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) exigiu a manutenção de um contingente mínimo de 90% do efetivo nas unidades. Isso, segundo a empresa, não vem sendo cumprido pelos sindicatos. Por isso,  a contratação emergencial para suprir em caráter temporário os serviços essenciais e evitar impactos à operação e à produção de petróleo. A estatal garantiu que até o momento nem a produção de petróleo ou de derivados está sendo afetada pela greve. As contratações serão feitas garantindo que os profissionais atendam a requisitos de qualificação técnica e possuam as certificações necessárias para exercício das atividades, segundo a Petrobrás.

O movimento grevista, liderado pela Federação única dos Petroleiros (FUP) e os 13 sindicatos afiliados, é contra a demissão de 396 empregados da fábrica de fertilizantes de Araucária, no Paraná, depois da decisão da Petrobrás de fechar a unidade. A Petrobrás anunciou o início do processo de hibernação da fábrica em 14 de janeiro. Os resultados da Ansa, historicamente, segundo diz a Petrobrás,  “demonstram a falta de sustentabilidade do negócio: somente de janeiro a setembro de 2019, a Araucária gerou um prejuízo de quase R$ 250 milhões. Para o fim de 2020, as previsões indicam que o resultado negativo poderia superar R$ 400 milhões”.  Além das verbas rescisórias legais, os funcionários receberão um pacote adicional de benefícios que inclui um valor monetário adicional entre R$ 50 mil e R$ 200 mil, de acordo com a remuneração e o tempo de trabalho; manutenção de plano médico e odontológico, benefício farmácia e auxílio educacional por até 24 meses, além de uma assessoria especializada em recolocação profissional.

1
Deixe seu comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Camila Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Camila
Visitante
Camila

Tudo mentira para enganar a população, chamaram os aposentados porém houve recusa geral, não se consegue mão de obra especializada no mercado facilmente, portanto as operações estão comprometidas e sem segurança, um ato de irresponsabilidade dos gestores, que mentem para abafar o movimento e coloca a vida do entorno das unidades em risco. E esses. Números da Ansa são forjados para enganar a população mais uma vez, o que provoca a dependência de uréia e amônia da China e Rússia, sendo um país agrícola. A Ansa sempre deu lucro por usar o gás da Repar, barato e próximo.