Megabanner

KLABIN INICIA PLANTA PILOTO PARA EXTRAÇÃO DE LIGNINA COM TECNOLOGIA DA VALMET

cddssA Klabin iniciou em seu Parque de Plantas Piloto, localizado em Telêmaco Borba (PR), a operação da planta piloto para extração de lignina fornecida pela finlandesa Valmet.  A companhia europeia, que é líder mundial no desenvolvimento e fornecimento de tecnologias, automação e serviços para os setores de celulose, papel e energia, desenvolveu, exclusivamente para a Klabin, a planta piloto baseada na tecnologia conhecida por LignoBoost, com capacidade de produzir até 1 tonelada de lignina por dia.  A Klabin é a maior produtora e exportadora de papéis para embalagens do Brasil.  A companhia europeia, que é líder mundial no desenvolvimento e fornecimento de tecnologias, automação e serviços para os setores de celulose, papel e energia, desenvolveu, exclusivamente para a Klabin, a planta piloto baseada na tecnologia conhecida por LignoBoost, com capacidade de produzir até 1 tonelada de lignina por dia.

O gerente de Vendas da Valmet na América do Sul, Felippe Rosa, disse que “Tivemos grande sucesso na execução do projeto e na partida da planta. Este foi, certamente, um marco na história de parceria entre a Klabin e a Valmet. A Klabin agora poderá testar a operação da planta com vários tipos de licores provenientes de suas diversas fábricas, e avaliar a qualidade da lignina extraída, buscando mercados consumidores para a mesma.d3ddedd

O diretor de Celulose e Energia da Valmet na América do Sul, Fernando Scucuglia, reforça a importância do projeto em termos estratégicos. “A lignina, hoje um subproduto do processo de fabricação de celulose e utilizada para geração de energia, certamente será uma das protagonistas entre os produtos de valor agregado gerados pelas modernas fábricas de produção de celulose, que serão verdadeiras biorrefinarias. É uma satisfação muito grande poder participar ativamente desta mudança de mercado.

A lignina é um polímero natural, componente da madeira utilizada na fabricação de celulose, separada após o processo de cozimento, e seu alto potencial sustentável permite ser uma alternativa renovável ao uso dos derivados de petróleo. Com a planta Lignoboost, a Klabin investe em estudos sobre esta substância, que pode ser usada na produção de outros materiais como resinas, adesivos, químicos, compósitos e fibras de carbono, substituindo o uso de materiais de origem fóssil. A lignina deverá gerar novas oportunidades comerciais para a Klabin.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of