Megabanner

BR DISTRIBUIDORA CORTA FORNECIMENTO DE COMBUSTÍVEL AO ESTADO DO RIO DE JANEIRO POR FALTA DE PAGAMENTO

pezãoAfundado em dificuldades financeiras, o Estado do Rio de Janeiro não vive um bom momento. A crise se alastra por diversas áreas, e agora chega por uma nova frente: a BR Distribuidora cortou nesta semana o fornecimento de combustível para quase 80 órgãos do governo, devido a uma dívida acumulada pelo Estado. As únicas frotas de veículos que escaparam à suspensão, por serem consideradas essenciais, foram as da Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Saúde e Corpo de Bombeiros, segundo informação da Secretaria de Planejamento (Seplag).

O corte no abastecimento vem levando a medidas de economia no governo de Luiz Fernando Pezão (foto). Diante de uma possível suspensão, a Polícia Civil estabeleceu cota máxima de 20 litros por dia para cada viatura da corporação e informou que os postos de sua rede própria de abastecimento terão suas atividades encerradas. Em comunicado, o órgão fez um apelo para que o Detran repasse recursos para a quitação da dívida com a estatal, o que normalizaria a situação.

“A Companhia está em tratativas com o governo do Estado para parcelamento de débito, e por isso houve uma redução de fornecimento, restrita a serviços administrativos”, afirmou em nota a subsidiária da Petrobrás. Entre as frotas que tiveram seu fornecimento cortado estão as Secretarias de Educação e de Administração Penitenciária, do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase), da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), do Procon, da Procuradoria Geral do Estado, do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e da Companhia Estadual de Águas e Esgoto (Cedae).

“A BR confia que a situação será solucionada em breve e reitera que nesse período não haverá interrupção no suprimento destinado a serviços essenciais”, diz o documento emitido pela empresa. O texto ressalta que “não houve suspensão ou restrição no abastecimento a ambulâncias, viaturas e serviços essenciais à população do Estado do Rio de Janeiro, seja nos postos credenciados ou no abastecimento interno”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of