HIRSA VÊ BOAS PERSPECTIVAS DE NEGÓCIOS NA RIO OIL E GÁS COM A APRESENTAÇÃO DE SUAS NOVAS TECNOLOGIAS | Petronotícias





HIRSA VÊ BOAS PERSPECTIVAS DE NEGÓCIOS NA RIO OIL E GÁS COM A APRESENTAÇÃO DE SUAS NOVAS TECNOLOGIAS

WhatsApp Image 2022-09-26 at 15.48.15A Rio Oil e Gas entrará hoje (27) em seu segundo dia de realização, que historicamente recebe mais visitantes. A expectativa da presença de 40 mil pessoas durante os quatro dias parece confirmar-se, ao levar em consideração a fluência de público já no primeiro dia. A localização da feira, bem mais perto das sedes das empresas, no centro do Rio de Janeiro, sem dúvida, foi um fator para este sucesso, que o IBP acertou. Há quase 400 empresas expondo, apresentando seus destaques para o mercado, como a brasileira Hirsa, comandada por pai e filho, Hiram (à direita) e Matheus Freitas. Para lembrar, a Hirsa fornece soluções em medição, vazão e nível para o setor de óleo e gás, está apresentando muitas novidades ao mercado para conquistar novos negócios.

Além de receber todas as grandes empresas internacionais que representa no Brasil, a empresa aproveita a feira para  mostrar suas novas tecnologias e também está informando como está sendo feito o processo de digitalização da companhia, que vai facilitar suas operações com seus clientes no Brasil e no exterior. Matheus Freitas, que responde pela direção de operações da Hirsa, disse que se surpreendeu com o movimento da feira, com a presença de estrangeiros e com as boas perspectivas de negócios. Ele espera que isso se mantenha, embora acredite que o resultado das próximas eleições presidenciais seja fundamental para que isso se concretize.

–  A perspectiva já era muito boa, mas acabou nos surpreendendo. No primeiro dia, a frequência e o fluxo de muitos profissionais foihirsa 1 muito bom. Em geral, segunda-feira é um dia mais fraco. Historicamente, a terça-feira e quarta-feira costumam ser os mais fortes. Estamos com muita gente de fora do país, o que é muito positivo. Todos com o interesse no Brasil. Da nossa parte, todas as empresas internacionais que a Hirsa representa estão aqui, acreditando também que a expectativa é muito boa. Os projetos estão saindo das caixas. As consultas aumentaram e as vendas também aumentaram. Então, estamos entrando num bom final de ano e num bom 2023.

– Então, a empresa está otimista já para o próximo ano no setor de óleo e gás?

Acho que sim. Embora tudo dependa evidentemente de outubro e do resultado das eleições. É um divisor de águas em termos de perspectivas. Acho que o mercado vai andar de um jeito ou andar de outro. Importante é continuarmos com o que está desenhado com seriedade, privatizações, agenda econômica correta, enfim… Uma agenda para quem olhar de fora possa ver que as coisas estão dando certo.

– Qual é o foco da Hirsa daqui para o final de ano e 2023 ?

– Digitalização pesada e completa. Estamos investindo bastante nisso. Todos os processos da empresa foram digitalizados,  sendo que os últimos estão sendo finalizados agora. Teremos uma plataforma 100% digital para atender todas as demandas da empresa e dos nossos clientes no Brasil e no exterior. Novas tecnologias, como a Hirsa sempre fez. A nossa ideia é trazer para o Brasil o que há que mais moderno, com tecnologias disruptivas e quebrando os paradigmas. Simplicidade e foco.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of