JAPONESA MODEC ANUNCIA TROCA EM SUA PRESIDÊNCIA

Takeshi-Kanamori-MODEC-president-ceo-source-MODECDias de noticiário agitado envolvendo a japonesa Modec. Desta vez, a companhia anunciou novidades em seu alto comando. O presidente e CEO da empresa, Yuji Kozai, renunciou às suas atribuições na organização por motivos de saúde. A partir desta segunda (5), a Modec passará a ser comandada por Takeshi Kanamori (foto). Ele ingressou na Modec em 2013 como Diretor Externo. Atualmente, Kanamori estava atuando como Diretor Representante e Vice-Presidente Executivo.

A demanda global de energia continuará a crescer, a demanda por petróleo aumentará de forma constante e o uso de gás natural, uma importante fonte de energia limpa, continuará a ganhar forte impulso”, declarou o novo CEO da empresa. “Vamos otimizar nosso portfólio de negócios e ao mesmo tempo sermos pioneiros em novas áreas de negócios, principalmente na utilização da energia eólica offshore e na colheita de recursos minerais do fundo do mar, com o objetivo de contribuir para a criação de um futuro mais brilhante para o nosso mundo”, completou Kanamori.

Conforme noticiamos, a Modec ganhou os holofotes na última semana após anunciar que ficaria de fora das próximas licitações da Petrobrás. A estatal brasileira apontou baixa performance nas operações de três FPSOs construídos pela armadora japonesa: Cidade do Rio de Janeiro – que até problema de rachaduras teve -, Cidade de Santos e Cidade de Niterói.

Para lembrar, o FPSO Rio de Janeiro foi evacuado em 2019, no campo de Espadarte, na Bacia de Campos.  Foi um desembarque de emergência de 107 profissionais que estavam na unidade.  Na época, a Petrobrás confirmou que uma trinca no casco da unidade levou ao vazamento de 1,2 m³ de óleo residual (1,2 mil litros).

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of