MAIOR PROJETO DE GERAÇÃO EÓLICA DA NEOENERGIA ENTRA EM OPERAÇÃO, COM UMA CAPACIDADE INSTALADA DE 566,5 MW | Petronotícias





MAIOR PROJETO DE GERAÇÃO EÓLICA DA NEOENERGIA ENTRA EM OPERAÇÃO, COM UMA CAPACIDADE INSTALADA DE 566,5 MW

lauraA Neoenergia iniciou a operação em teste dos sete primeiros aerogeradores do Neoenergia Oitis, um complexo eólico entre os estados do Piauí e da Bahia. A entrega dessa fase foi feita com antecipação de um mês em relação ao plano de negócios. Esse será o maior empreendimento eólico da companhia no país, com capacidade instalada de 566,5MW, o suficiente para abastecer uma cidade com 2,7 milhões de habitantes. A operação total está prevista para o segundo semestre deste ano. “A construção do complexo eólico está alinhada à estratégia de posicionamento da Neoenergia na liberação do mercado de energia brasileiro. Acreditamos que as energias limpas são o caminho para a descarbonização da economia”, disse a diretora de renováveis da companhia, Laura Porto.

O complexo eólico possui 103 aerogeradores cada um com potência de 5,5MW, e será composto por 12 parques eólicos. A energia gerada nos parques eólicos doneoenergia 1 Neoenergia Oitis terá 96% alocada no Ambiente de Contratação Livre (ACL), e 4% será destinada à comercialização no mercado regulado de energia. Atualmente, a Neoenergia é a segunda maior empresa de distribuição de energia do Brasil e está comprometida com a demanda por fornecimento de energia eficiente e sustentável de forma integrada.

A Neoenergia apostou na energia eólica desde o início dos anos 2000, quando ainda era vista como uma fonte alternativa. Hoje, a execução de projetos com fontes renováveis é uma realidade com a construção de parques eólicos e solares, ampliando a geração de energia limpa. Atualmente, os ativos em operação e em construção somam 1,7 GW de capacidade instalada entre parques eólicos e solares fotovoltaicos. Somadas as usinas hidrelétricas em operação, a companhia chegará até o fim do ano a mais de 4,7 GW de potência em fontes renováveis. A Neoenergia investiu R$ 808 milhões no segmento de renováveis no primeiro trimestre de 2022. Além do Neoenergia Oitis, a companhia concluiu o Neoenergia Chafariz, e avançou neste ano na construção de Neoenergia Luzia, complexo solar localizado no município de Santa Luzia, na Paraíba. Os três empreendimentos levarão a companhia a atingir mais de 90% da sua capacidade instalada em energia limpa.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of