NUCLEP BUSCA NOVA PARCERIA COM A ROSATOM PARA CONSTRUÇÃO DE REATORES MODULARES EM ITAGUAÍ

nuclep-russiaMuita movimentação nos corredores da feira Atomexpo 2022, que começou hoje (21) em Sochi, na Rússia. A Nuclep é uma das empresas presentes no evento e quer aproveitar a oportunidade para estreitar ainda mais seus laços com a estatal russa Rosatom. O presidente da companhia brasileira, Carlos Henrique Seixas, revelou que irá propor uma nova parceria para que a Rosatom possa fabricar equipamentos pesados no parque fabril da Nuclep, em Itaguaí (RJ).

Tenho a perspectiva de fomentar uma parceria em que a Rosatom utilize a nossa Nuclep como uma fábrica de componentes pesados para a América Latina. A Rosatom, por exemplo, tem a tecnologia para os Small Reactors (SMRs). A minha proposta será no sentido de que possamos fabricar os SMRs em nossa caldeiraria, baseados nos projetos desenvolvidos pela Rosatom”, afirmou Seixas.

O Fórum Atomexpo, promovido em parceria com a Rosatom, é considerado um dos principais eventos da indústria nuclear mundial. Realizado anualmente, é a maior exposição e plataforma de negócios para discutir o estado atual da indústria nuclear e definir tendências futuras. A Delegação Brasileira no evento é liderada pelo presidente da ENBPar, Ney Zanella dos Santos. A feira acontece no Parque de Ciência e Arte de Sirius, primeiro território federal da Rússia localizado na costa do Mar Negro, e conta como Conselheiros anfitriões o vice-presidente da Rosatom da América do Sul, Ruan Nunes e o Assessor Estratégico, Sergey Krivolapov.

A viagem se dá a convite da Rosatom após a assinatura em setembro, durante a 66ª Conferência Geral da IAEA, em Viena, na Áustria, de um memorando com a ENBPar que busca cooperação para estimular energia nuclear segura no Brasil e na Rússia. Na próxima quarta-feira (23), a Delegação deixará Sirius e seguirá para Moscou onde visitará as instalações e fará reuniões na sede da Rosatom.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of