PETROBRÁS ANUNCIA REDUÇÃO NOS PREÇOS DA GASOLINA E DO GÁS DE COZINHA

aumento-no-preco-da-gasolinaA Petrobrás vai diminuir novamente os preços de dois de seus principais derivados. A empresa anunciou no início da tarde de hoje (30) um corte de R$ 0,14 por litro (-5,3%) no preço médio de venda de gasolina A, que passará a ser de R$ 2,52 por litro. A Petrobrás também reduzirá em R$ 0,10 por kg (-3,9%) o seu preço médio de venda para as distribuidoras, que passará de R$ 2,5356 para R$ 2,4356 por kg, equivalente a R$ 31,66 por botijão de 13 kg.

Os novos preços passarão a valer a partir de amanhã (1º). Sobre o reajuste no preço da gasolina, a parcela da Petrobrás no preço ao consumidor será, em média, de R$ 1,84 a cada litro vendido na bomba, levando em consideração a mistura obrigatória de 73% de gasolina A e 27% de etanol anidro. O reajuste na gasolina acontece um dia após o retorno da cobrança dos impostos federais sobre o combustível. Para lembrar, a gasolina, o etanol e o GNV estavam livres da incidência de PIS/Confins por conta de uma Medida Provisória (MP) editada pelo presidente Lula em fevereiro. A medida também mantinha zerada a Cide sobre a gasolina.

A MP perdeu validade ao final da última quarta-feira (28) e os impostos passaram a ser cobrados desde ontem (29). O impacto estimado no preço da gasolina deve ser de R$ 0,34 por litro, enquanto que o preço do etanol deverá subir cerca de R$ 0,22. A Receita estima que a volta dos impostos da gasolina, do etanol e do querosene de aviação terá um impacto de R$ 14,8 bilhões na arrecadação — no período de 29 de junho a 31 de dezembro de 2023.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of