TECHNIPFMC CONQUISTA CONTRATO PARA FORNECER DUTOS E UMBILICAIS PARA O PROJETO BÚZIOS 6 DA PETROBRÁS

jonathan-landes-president-subsea-technipfmc-124002A TechnipFMC começa o ano conquistando um novo e importante negócio com a Petrobrás. A empresa franco-americana anunciou que fechou um contrato de Engenharia, Aquisição, Construção e Instalação (EPCI) para o projeto Búzios 6, no pré-sal da Bacia de Santos. O escopo do acordo envolve o fornecimento de tubos flexíveis e rígidos, umbilicais, terminais de dutos, jumpers rígidos, conjuntos de terminação de umbilicais e um sistema de ancoragem.

Estamos empolgados em anunciar este contrato, que demonstra a força contínua do mercado subsea no Brasil e nosso relacionamento colaborativo com a Petrobrás. Usamos nosso profundo conhecimento das necessidades do cliente para chegar a soluções tecnológicas desenvolvidas especificamente para o campo de Búzios 6”, disse o presidente de Subsea da TechnipFMC, Jonathan Landes.

O valor exato do negócio não foi anunciado, mas a TechnipFMC afirmou que está entre US$ 500 milhões e US$ 1 bilhão. Os tubos flexíveis, umbilicais e estruturas submarinas, bem como alguns dos tubos rígidos, serão fabricados pela TechnipFMC no Brasil. A companhia disse ainda que o projeto também proporcionará negócios para sua cadeia de suprimentos brasileira.

O projeto de Búzios 6 será o sexto sistema de produção definitivo do campo. A Petrobrás já contratou a SBM Offshore para a construção do navio-plataforma que irá atuar na área, o FPSO Almirante Tamandaré. O navio tem entrada em produção prevista para o segundo semestre de 2024. Será a maior unidade de produção de petróleo a operar no litoral brasileiro e uma das maiores do mundo, com capacidade de processamento diário de 225 mil barris de óleo e 12 milhões de m³ de gás natural.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of