TEPCO E TOSHIBA FORAM UMA JOINT VENTURE PARA ATUALIZAR SEGURANÇA DE DOIS RETORES DA USINA KASHIWAZAKI-KARIWA

swswsA Tepco Holdings Corporation e a Toshiba Energy Systems Corporation formaram uma  joint venture para realizar os trabalhos de atualização de segurança na unidade 6 da usina nuclear de Kashiwazaki-Kariwa, no Japão.  A Tepco planeja reiniciar as unidades 6 e 7 da planta, que fica na província de Niigata. A nova empresa – KK6 Safety –  será estabelecida ainda este mês. Cada parceiro investirá US$ 1,4 milhão. Um comunicado informa que a  “A Tepco e a Toshiba ESS reuniram tecnologias e conhecimentos que cruzam as fronteiras da indústria para estabelecer conjuntamente uma empresa responsável por medidas de segurança para a usina nuclear de Kashiwazaki-Kariwa. Assinamos um memorando de entendimento sobre medidas de segurança na construção, projeto e gerenciamento da construção”.

A Kashiwazaki-Kariwa não foi afetada pelo terremoto e tsunami de março de 2011 que danificou a planta de Fukushima Daiichi, embora os reatores da planta estivessem todos off-line anteriormente por até três anos após o terremoto de Niigata-Chuetsu em 2007, que causou danos ao local, mas não danificou os próprios reatores. Enquanto as unidades estavam offline, foram realizados trabalhos para melhorar a resistência ao terremoto da planta.

A Tepco está concentrando seus recursos em reiniciar as unidades 6 e 7 enquanto lida com a limpeza em Fukushima Daiichi. Reiniciar essas duas unidades Kashiwazaki-Kariwa, aumentaria os ganhos da empresa em cerca US$ 921 milhões por ano. Em dezembro de 2017, a Tepco recebeu aprovação da Autoridade de Regulação Nuclear para alterar a instalação das unidades 6 e 7. Eles foram os primeiros dos reatores de água fervente do país determinados a cumprir os padrões.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of