UBE FAZ ACORDO COM UNIVERSIDADE PARA DESENVOLVER NOVAS TECNOLOGIAS PARA PRODUÇÃO DE PLÁSTICOS SUSTENTÁVEIS | Petronotícias





UBE FAZ ACORDO COM UNIVERSIDADE PARA DESENVOLVER NOVAS TECNOLOGIAS PARA PRODUÇÃO DE PLÁSTICOS SUSTENTÁVEIS

UBEA UBE, um dos principais players globais de poliamidas, assinou um acordo de cooperação com a Universidade Jaume, da Espanha, que prevê a criação de uma Cadeira de Plásticos Sustentáveis. As principais atividades desta nova disciplina envolvem pesquisa sobre a funcionalidade dos plásticos do ponto de vista sustentável, bem como a educação e disseminação da necessidade e importância deste material para a sociedade. Raul Sangros Ferris, diretor de R&D da companhia,  falou sobre as soluções que serão encontradas na universidade:  “Entendemos que esta Cadeira permitirá combinar conhecimento e recursos para desenvolver soluções que melhorem o ciclo de vida dos materiais e formas para solucionar os problemas globais.”

Segundo o executivo, há diversas iniciativas específicas e projetos contemplados nesta nova Cadeira da Universidade. Inclusive, para fins educacionais, haverá o UBE Award,  que premiará iniciativas e projetos relativos a plásticos sustentáveis. Também serão conduzidas reuniões técnicas com experts, seminários e workshops com empresas e outros especialistas a fim de reunir e disseminar conhecimento e experiência. Os eventos serão destinados a graduados e pós-graduados. Como parte das atividades de pesquisa e desenvolvimento, também será criada uma bolsa de estudos com foco na sustentabilidade dos polímeros. Para dar suporte e comunicar todas estas atividades, haverá uma página na internet e contas nas redes sociais.

Para lembrar, a UBE foi fundada no Japão em 1897 e mantém 11 mil colaboradores em todo o mundo com um portfólio global de produtos que se divide em químicos, cimento e materiais de construção, máquinas, meio ambiente e energia, e farmacêuticos. A companhia tem três plantas de nylon – Japão, Tailândia e Espanha – que abastecem o mercado global. Cada planta possui o seu próprio centro de Pesquisa & Desenvolvimento. No Brasil, a operação da UBE existe desde 2010 e as vendas de Plásticos de Engenharia representam cerca de 20% da produção de Castellón – Espanha. O escritório brasileiro atende a toda América Latina, com ênfase a Brasil, Argentina, Chile, Peru, Colômbia e Equador.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of