GRUPO PRINER VAI PARTICIPAR DA NOVA EDIÇÃO DO MAIOR CONGRESSO BRASILEIRO DE PINTURA E PROTEÇÃO ANTICORROSIVA

finkO Grupo Priner participará da 4ª edição do CCIPRA – Congresso Internacional de Corrosão, Integridade, Pintura e Proteção Anticorrosiva –, que começa amanhã (11) e vai até quarta-feira (13), no Rio de Janeiro. Presente desde a primeira edição do evento, a Priner apresentará a palestra técnica sobre os “Desafios nos projetos de aplicação de PFP offshore – Refletindo além do convencional”, uma nova solução da companhia usada na área de proteção corta-fogo.

Temos uma grande expectativa em relação ao Congresso, que considero o maior evento técnico da cadeia de corrosão. É sempre bastante produtivo manter contato com fabricantes de tintas e equipamentos, profissionais de laboratórios que pesquisam soluções e, ainda, ter a oportunidade de conhecer novos produtos que estão prestes a chegar ao mercado”, afirma o diretor técnico comercial da Smartcoat, empresa do Grupo Priner, Luiz Angélica.

O evento ampliou seu escopo técnico nesta edição de 2023, passando a englobar temas não apenas da área de pintura e revestimentos anticorrosivos, mas também os relacionados à corrosão e integridade de ativos. De acordo com a coordenadora executiva do CCIPRA, Yla Bonder, identificou-se, por meio de pesquisa de satisfação com o público de edições anteriores, certa carência de informações na nova área de abordagem do Congresso. “O evento atende, do ponto de vista técnico, profissionais de campo, que estão na ponta dos processos, até executivos de alto escalão das empresas, que aproveitam a oportunidade para fazer network e negócios”, explica Bonder.

O CCIPRA 2023 contará com 31 expositores, entre eles fabricantes de tintas; desenvolvedores de tecnologias e equipamentos nas áreas de interesse do Congresso; e prestadores de serviços industriais. De acordo com a coordenadora executiva do evento, que reúne 42 patrocinadores, são aguardados 350 participantes. A programação conta com 23 palestras técnicas; uma motivacional; uma sessão de 10 apresentações curtas no modelo “Se vira nos 5”, com cinco minutos cada; e mais três mesas-redondas.

O objetivo do evento é proporcionar aos participantes oportunidades de atualização dos seus conhecimentos com acesso a informações sobre o que existe de mais moderno em relação à manutenção industrial em nível mundial”, explica Thomas Fink (foto), fundador do Centro de Treinamento e Qualificação Fernando Fragata (CTQFF), instituição promotora do congresso. Segundo ele, a ideia é que, a partir da troca de experiências e aquisição de novos saberes, os profissionais possam desenvolver em suas empresas iniciativas que diminuam custos, aumentem a produtividade, otimizem processos e melhorem a qualidade dos seus resultados. “Outro ponto importante é que o CCIPRA dá oportunidade não só para representantes de grandes empresas, mas também para profissionais daquelas de menor porte que têm trabalhos relevantes, com bons resultados para apresentar”, explicou Fink.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of