ESTALEIRO JURONG FARÁ MODIFICAÇÕES E INTEGRAÇÃO NA PLATAFORMA P-71 NUM ADITIVO DE US$ 175 MILHÕES

p-71A Sembcorp Marine, através de sua subsidiária integral Estaleiro Jurong Aracruz (EJA), garantiu um Aditivo ao Contrato da Tupi BV avaliado em cerca de US$ 175 milhões para trabalhos de modificação a serem concluídos no FPSO P-71. Projetado originalmente para o campo de Tupi, o FPSO P-71 passará por modificações e integração para implantação no campo de Itapu. O escopo de trabalho inclui a modificação dos sistemas existentes e integração de sistemas adicionais à plataforma. Medindo 316 metros de comprimento e 54 metros de largura, a P-71 é capaz de movimentar 150.000 barris de petróleo por dia e seis milhões de metros cúbicos de gás natural em operação. Tem capacidade de armazenamento de 1,6 milhão de barris de petróleo e pode acomodar 160 pessoas. A entrega da embarcação está prevista para o último trimestre de 2022.

O Presidente do Estaleiro Jurong Aracruz, Guhan Thangavelu, declarou: “Nosso Estaleiro é conhecido por ser um dos maiores e mais avançados estaleiros do Brasil para produtos e soluções offshore, e está estrategicamente localizado na costa leste do Brasil para atender aos desenvolvimentos de campos no Atlântico, Setores do Golfo do México e da África Ocidental. Este projeto oferece uma oportunidade de mostrar as capacidades do EJA para realizar projetos de engenharia complexos e de grande escala com adaptação rápida de design e layout submarino superior”.

Thangavelu aproveitou também para fazer seus agradecimentos: “Agradecemos a Tupi B.V. e seus parceiros por escolherem a Sembcorp Marine e a equipe do EJA para entregar mais uma unidade flutuante para aumentar seus ativos de classe mundial para implantação em águas profundas e ultra profundas. Em meio ao desafio induzido pela pandemia, continuamos comprometidos com a execução segura e oportuna do projeto”.

Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of